Terça Livre: Laboratorium Pieśni

 

Sabe quando você está procurando uma trilha sonora meio que para meditação, ou só algo mais leve? Pois é, tem um tempo que eu estava numa vibe de músicas estilo celta, mais estilo “antiga religião” e eis que uma amiga da dança do ventre me mostra o seguinte clipe:

 

Continue lendo…




Resenha: Princesa das Cinzas

Ficha técnica:

Título: Princesa das Cinzas

Autor: Laura Sebastian

Tradutor: Raquel Zampil

Páginas: 352

Editora: Arqueiro

Compre aqui

Theodosia era a herdeira do trono de Astrea quando seu reino foi invadido, deixando um rastro de destruição.
Dez anos depois, a princesa, órfã, prisioneira e subjugada, percebe que não lhe resta mais nada, a não ser lutar pela própria liberdade.
O passado, que por tanto tempo ficou enterrado, agora precisa vir à tona para mostrar a Theodosia os caminhos que poderão levá-la de volta ao trono.
Mas Theo conseguirá ser a rainha de que seu povo precisa? Ou será que anos de humilhações transformaram a herdeira da Rainha do Fogo em meras cinzas?

Continue lendo…




Terça Livre: Culinária na prática versus livros de receitas

Gente, vou confessar: adoro cozinhar. Principalmente sobremesas e bolos. Modéstia à parte, até que não me saio mal no assunto, viu.

Continue lendo…




Resenha: O Desaparecimento de Stephanie Mailer

Ficha Técnica:

Nome: O Desaparecimento de Stephanie Mailer

Autor: Joël Dicker

Tradutor: André Telles

Páginas: 578

Editora: Intrínseca

Compre aqui

Na noite de 30 de Julho de 1994, a pacata vila de Orphea, na costa leste dos Estados Unidos, assiste ao grande espectáculo de abertura do festival de teatro. Mas o prefeito está atrasado para a cerimônia… Ao mesmo tempo, Samuel Paladin percorre as ruas desertas da vila à procura da mulher, que saiu para correr e não voltou. Só para quando encontra o seu corpo em frente à casa do prefeito. Dentro da casa, toda a família do prefeito está morta.
A investigação é entregue a Jesse Rosenberg e Derek Scott, dois jovens policiais do estado de Nova York. Ambiciosos e tenazes, conseguem cercar o assassino e são condecorados por isso. Vinte anos mais tarde, na cerimônia de despedida de Rosenberg da Polícia, a jornalista Stephanie Mailer o confronta com uma revelação inesperada: o assassino não é quem eles pensavam, e a jornalista diz ter informações-chave para encontrar o verdadeiro culpado.
Dias depois, Stephanie desaparece.
Assim começa este thriller colossal, de ritmo vertiginoso, entrelaçando tramas, personagens, surpresas e reviravoltas, sacudindo o leitor e impelindo-o, sem possibilidade de parar, até ao inesperado e inesquecível desenlace.
O que aconteceu a Stephanie Mailer?
E o que aconteceu realmente no Verão de 1994? (Fonte)

Continue lendo…




Resenha: O verão que mudou minha vida

Ficha técnica:

Nome: O verão que mudou minha vida

Autora: Jenny Han

Tradutora: Mariana Rimoli

Páginas: 240

Editora: Intrínseca

Compre aqui

A vida de Isabel Conklin é marcada pelas férias de verão. As outras estações do ano são como um intervalo, dias que passam lentamente enquanto ela espera que o sol lhe traga de volta o que mais ama: o mar, descanso, diversão e, principalmente, Conrad e Jeremiah Fisher.

Os garotos da família Fisher sempre estiveram ao lado de Belly em suas aventuras. Conrad é ousado, sombrio, inteligente. Já Jeremiah, é confiável, engraçado, espontâneo. Mesmo sendo tão diferentes, os três constroem uma amizade que parece inabalável. Apenas parece…

Tudo muda quando, em uma dessas férias, Conrad demonstra sentir algo por ela. O problema é que Jeremiah faz o mesmo. À medida que os anos passam, Belly sabe que precisará escolher entre os dois e encarar o inevitável: ela vai partir o coração de um deles.

Na trilogia Verão, acompanhamos Belly dos 15 aos 24 anos. Em meio a descobertas e mudanças, ela se apaixona, se envolve em um triângulo amoroso, entra na universidade e descobre que amadurecer também significa tomar decisões difíceis. Primeiros romances jovens de Jenny Han, os três livros são agora relançados pela Intrínseca, com novas capas e traduções inéditas.

Quando fiquei sabendo que a Íntrinseca relançou a trilogia “Verão” da Jenny Han, fiquei muito curiosa. Eu já li a triologia “Para todos os garotos que já amei” e apesar de algumas ressalvas, achei uma leitura bem interessante. Um autor pode sofrer muitas mudanças com o passar do tempo e por isso pedi o primeiro livro intitulado “O verão que mudou minha vida”. Aliás, o livro está no super no clima da nossa estação, já que calor é o que não falta (apesar de agora ter melhorado um pouco).

Continue lendo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...