A Cuca Recomenda em Outras Páginas: Ida e Volta

“Atenção! Verifique onde estão bolsas e mochilas antes de entrar nestas páginas. E claro, não ultrapasse a faixa amarela.

Duas histórias em quadrinhos ambientadas no metrô da cidade de São Paulo. Uma delas é uma ficção científica maluca sobre um vórtex temporal dentro de um vagão; a outra é uma história real que, de tão cheia de reviravoltas, mais parece que foi totalmente inventada.” Fonte

Adquiri esse quadrinho no Anime Friends 2014, no estande da Editora Draco, apesar dessa HQ não ser da editora. Ela é fruto de uma parceria entre o blog Contraversão e o estúdio Café Nanquim, um grupo independente de produção de quadrinhos. O Raphael Fernandes, o roteirista da HQ, no entanto, já produziu alguns quadrinhos pela Draco também, como a Imaginários em Quadrinhos Volume 1 e Volume 2.

O que me atraiu logo de cara por essa HQ foi o design dela: achei fantástico tanto a capa quanto o formato serem de um bilhete de metrô, um tanto sujo e manchado, como se tivesse sido manuseado muitas vezes (ou tivesse ficado guardado na carteira; e não é isso que acontece com bilhetes de metrô?). A segunda coisa que me chamou atenção foi o título Ida e Volta, fazendo uma alusão tanto à ideia do metrô – idas e vindas – quanto da própria ideia da HQ, que conta duas histórias, a “ida” sendo uma história verídica e a “volta” uma ficção.

Comecei a ler logo na volta do evento e, claro, no metrô de São Paulo, o que quer dizer que eu estava perfeitamente ambientada. E para quem mora/conhece o metrô da cidade, essa HQ é um prato cheio.

20140912_230052

A primeira história, a real, fala de um cara que se depara com uma situação horrível e tenebrosa. Mais uma vez, como acontece quase diariamente, o metrô parou devido a um “objeto na pista”, e muita gente sabe o que isso quer dizer: que alguém se jogou na linha do trem. A partir daí, a história se divide entre ser perturbadora e reflexiva, o que me rendeu uma ótima leitura, aliada aos ótimos traços, caricatos, mas bastante reais, de Doug Lira e Rafael Louzada. Foi a história que mais gostei e a que mais me arrepiou justamente por ser real.

A segunda história, uma ficção, é sobre uma situação bizarra: um homem encontra um vórtex temporal dentro do metrô e fica preso nele, no meio do tempo (fãs de Doctor Who e de ficção científica com certeza vão curtir). A arte é de Pedro “Pedrada” Henrique, mais sombria e caricata que a arte da história anterior. Gostei também dessa história, que literalmente é uma “viagem”, mas como já disse, preferi a anterior.

20140912_230020

A HQ é muito caprichada na edição e rendeu uma ótima leitura. Cheia de tensão e criatividade, ela é super recomendada! O Raphael Fernandes autografou meu exemplar e eu adorei que ele escreveu nos quadrinhos, como se o autógrafo fizesse parte da história. Resumindo: vale a pena!

Ficha Técnica

Título: Ida e Volta
Roteiro: Raphael Fernandes
Arte: Doug Lira, Rafael Louzada e Pedro “Pedrada” Henrique
Letras e montagem: Erik Plácido
Revisão: Victor Almeida e Marcelo Bicarato
Editora: Independente/ Café Nanquim/ Contraversão
Páginas: 48
Onde adquirir: Comix
Avaliação: 

Essa postagem está participando do Top Comentarista de Setembro. Por favor, preencha o formulário abaixo após postar seu comentário. Basta clicar na imagem para abri-lo em nova página!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Patrini Viero disse:

    Confesso que quadrinhos não são minha leitura predileto, por isso fiquei meio receosa de tentar ler o livro, mas a história parece interessante, e eu acho legal as editoras divulgarem o trabalho desses artistas, que é lindo!

  • Amanda Freitas disse:

    Esse realmente não é meu tipo de leitura (os quadrinhos) e até já tentei ler ‘Homem de ferro’ em quadrinhos, mas não consegui passar das primeiras páginas. Então esse não vai pros desejados, definitivamente!

  • Nathalia Simião disse:

    Oi Karen! Achei muito legal essa HQ, parece um bilhete de metrô mesmo, tudo sujo, adorei essa arte. E adorei tambem a sinopse que você deu da primeira história, com certeza eu ia gostar mais dela do que da segunda, ainda mais que é uma história real.

  • Douglas Fernandes disse:

    Não sou muito de ler quadrinhos, mas esse me chamou muita atenção, parece ser muito interessante, a capa, a historia, tudo parece muito bom, e os quadrinhos geralmente são bem rapidos de ler né, é uma questão de pegar o hábito mesmo.

  • Cláudia Santana Schumacher disse:

    Eu adoro HQ, cresci lendo!
    A arte esta linda e a história parece ser muito legal. Não ando de metrô, até pq moro no interior, mas quantas noticias ouvimos sobre “objetos na pista”
    Enfim, gostei bastante.
    Beijos

  • Suelen Mendes disse:

    Depois de criança nunca mais li nenhum HQ,e olha que já vi vários para adultos super bem recomendados.
    Quem sabe não acabe comprando este para dar uma segunda chance ao estilo.
    A edição ficou realmente caprichada,lembra bem um bilhete de metrô;
    Bjus

  • Michele Lopez disse:

    Oie…
    Faz um bom tempo que não leio HQ hein rsrsrs
    Mas gostei bastante desse e meu sonho é um dia conseguir ir no Anime Friends rsrs
    Nunca dá certo para ir!

  • Bianca Martins disse:

    haha q criatividadeee!!
    Adorei o autógrafo fele! Se vc n tivesse falado eu nem teria reparado q n era a história!! Mto bacana!
    As artes estão lindas msmo!
    Encadernação bem caprichada!
    Adorei!

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem