A Cuca Recomenda: Tesão

“Esqueça a ordem poética da sedução neste livro de Tico Santa Cruz, vocalista do Detonautas Roque Clube. Porque os contos e poemas eróticos de Tesão conduzem o leitor a um mundo sem limites, sem preconceitos. A uma atmosfera enigmática que instiga a imaginação e desperta o desejo por uma aventura que entorpece o corpo. Carne, sexo, violência e força – o encontro de dois animais num confronto vital pela continuação da existência. O primitivo, o condenável, o que os outros não têm coragem de levar adiante por medo do pecado e do julgamento divino. Um prazer que assassinou a culpa, depois cuspiu o sangue no chão.” Fonte

A Cuca hoje tá “sapekenha”, gente! Recebi Tesão da nossa parceira Belas Letras, o novo livro do autor e compositor Tico Santa Cruz, do grupo Detonautas Roque Clube, essa semana e li em UMA NOITE! Sério, gente, o livro foi viciante. Acho que demorei apenas umas duas horinhas para ler. Você não consegue parar. ‘Bora lá saber o que achei desse livro erótico e poético?

A primeira coisa que notei quando vi o livro foi como a edição da Belas Letras foi caprichada: o livro é belíssimo, com ilustrações que encantam e absorvem, excitam e atraem. São desenhos estilizados, em preto-e-branco, que aparecem às vezes em duas páginas, outras em apenas uma. As cores se complementam, como na capa, onde o desenho de uma mulher abraça a silhueta de um homem. Mas a arte da capa é apenas um aperitivo para o que encontramos dentro do livro. Um grande parabéns à editora e ao ilustrador Carlinhos Muller.

tesao2

Outro detalhe muito legal na edição é o uso de páginas em preto e branco: algumas páginas são inteiramente negras, com a fonte branca, enquanto outras são brancas com as letras pretas. O contraste ficou muito bonito e complementa o ótimo texto do Tico. Eu o conhecia apenas como músico, então estava curiosíssima para conhecê-lo também como escritor. Não me decepcionei!

Apesar da minha praia serem mesmo contos, confesso que nesse livro meus textos preferidos foram as poesias (se bem que aqui prosa e poesia se confundem, em uma mistura deliciosa). Há poemas extremamente belos; algumas vezes o leitor sente que o autor está pintando quadros na sua mente. Ler esse livro é uma experiência que utiliza todos os nossos sentidos: visão, tato, audição, paladar, olfato… É como se você estivesse sentindo o prazer que flui do texto, observando as imagens, ouvindo aqueles sons, sentindo seu gosto, o cheiro impregnado. A imaginação rola solta, assim como o sexo. Aqui não há espaço para pudores: já vou avisando que o livro é recomendado para quem não tem vergonha, mas sim a mente bem aberta. Não adianta ler esse livro sem abri-la junto com as páginas.

“Que o amor é uma experiência de laboratório.

(…)

Porque ele nos leva ao encontro dos nossos sentimentos mais puros…”

tesao3Há um conflito recorrente no livro entre o sexo e o amor, mas é perceptível que Tico opta pelo prazer sem culpa,  compromissos ou  preocupações. E algumas vezes é exatamente o que desejamos, mesmo que algumas pessoas não tenham coragem de dizer. E o livro de Tico é corajoso, expondo suas aspirações e desejos de maneira sincera e despudorada.

“Caminhar e amar sem esperar ser amado.

Perceber e sentir sem se encontrar magoado.

Descobrir e aprender enquanto houver emoção.”

Um dos meus poemas preferidos foi “Meus olhos em você“: ele é um dos melhores exemplos de um quadro que se pinta em nossa imaginação; com frases curtas, o autor pincela as imagens e sensações na mente do leitor. Há também um conto formado apenas de diálogos (“Uma questão de ponto de vista“), um formato que aprecio muito e que considero extremamente criativo; quando um autor consegue criar um bom conto só utilizando esse tipo de estrutura, minha admiração por ele sobe às alturas. Porém, meu texto preferido foi “Dos Sentimentos Pervertidos“; além de ser excitante, ele teve um trecho maravilhoso sobre o poder das mulheres (aliás, preciso dizer que esse livro é quase um ode às mulheres):

“Mulher que sabe seu poder não fica tirando onda

e nem falando muito… Quando quer de verdade vai lá e faz porque

tem consciência de que nós, homens, somos loucos por vocês!”

Como nem tudo são flores nessa vida, tirei uma estrela da avaliação por algumas vezes haver palavrões que considerei desnecessários e que quebraram o ritmo poético. Nos contos aceito-os com mais naturalidade, porém nos poemas eu torço mesmo o nariz para eles. Não é que seja contra os palavrões, porém não gosto quando são utilizados em demasia: eles acabam perdendo o sentido, o contexto e dão uma quebrada desagradável na leitura. Nem sempre isso aconteceu e algumas vezes eles foram necessários, porém nem sempre.

Também há algumas repetições. Às vezes o leitor se depara com “mais do mesmo” nos textos, o que pode ser ligeiramente cansativo, mas ao mesmo tempo não estraga o livro: como eu disse lá em cima, devorei as páginas loucamente, deliciada com os textos.

Tesão é um livro extremamente quente e delicioso. Recomendadíssimo para quem curte textos eróticos e quer apimentar a imaginação.

selo_belas_letras

Ficha Técnica:

Título: Tesão
Autor: Tico Santa Cruz
Editora: Belas Letras
Páginas: 128
Onde comprar: Site da Editora (em promoção com frete grátis)|| Livraria Cultura
Avaliação: 

Compartilhe:
  • 2
  •  
  •  
  •  


PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem