Arquivo para a categoria ‘ 4 estrelas ’


[Especial Liane Moriarty] Resenha: O Que Alice Esqueceu

Adorei a premissa do livro… pare um minuto para imaginar… de repente, você bate a cabeça e perde a memória dos últimos 10 anos de sua vida. Pensou? Aos poucos você vai redescobrindo a pessoa que se tornou nestes 10 anos. O que você acha dessa pessoa?…

 Ficha técnica:

 Nome: O que Alice esqueceu

 Autor: Liane Moriarty

 Tradutor: Julia Romeu

 Páginas: 416

 Editora: Intrínseca

 Compre aqui

 

Sinopse: Alice tinha certeza de que era feliz: aos 29 anos, casada com Nick, um marido lindo e amoroso, aguardando o nascimento do primeiro filho rodeada pela linda família formada por sua irmã, a mãe atenciosa e a avó. Mas tudo parece ir por água abaixo quando ela acorda no chão da academia… dez anos depois!

Enquanto tenta descobrir o que aconteceu nesse período, Alice percebe que se tornou alguém muito diferente: uma pessoa que não tem quase nada em comum com quem ela era na juventude e, pior, de quem ela não gosta nem um pouco.

Ao retratar a vida doméstica moderna provocando no leitor muitas risadas e surpresas, Liane Moriarty constrói uma narrativa ao mesmo tempo ágil e leve sobre recomeços, o que queremos lembrar e o que nos esforçamos para esquecer. (Fonte)

Continue lendo…




Resenha: A Soma de todos os Beijos

A Soma de Todos os Beijos Ficha técnica:

 Nome: A Soma de todos os Beijos

 Autor: Julia Quinn

 Tradutor: Ana Rodrigues e Maria Clara de Biase

 Páginas: 272

 Editora: Arqueiro

 Compre aqui

 
 Sinopse: Lorde Hugh Prentice é um gênio da matemática e teve sua perna (e sua vida) arruinada por causa de um duelo com seu amigo, Daniel Smythe-Smith. Nesse livro, conheceremos um pouco da história de Hugh, antes e depois do acontecido. Sua família, o desespero de seu pai para conseguir que um de seus filhos lhe desse um herdeiro, visto que um não é chegado à mulheres e o outro, provavelmente terá dificuldades em encontrar uma esposa, e principalmente em ter filhos. E, claro, sua relação de amor e ódio com Sarah Pleinsworth, prima mais velha de Daniel, que mesmo antes de conhecê-lo, já odiava Hugh por ter arruinado sua família através desse duelo.
Mas, as coisas começam a mudar quando Honoria, sua prima, pede para Hugh substituir seu padrinho no casamento e para Sarah ser sua acompanhante durante sua estadia, para que ele ficasse mais confortável diante dos familiares de Daniel. E esse tempo se prolonga, já que Daniel se casará duas semanas depois da irmã e resolve torná-los uma única festa…
É claro que eles não se dão no início, mas com o tempo, ainda mais depois do primeiro casamento, quando ela fica impossibilitada de andar, eles deixam as diferenças de lado e começam a se conhecer realmente, e, o que era ódio, acaba se tornando uma paixão avassaladora.
Mas as limitações de Hugh vão ser apenas um dos problemas que o casal enfrentará pelo caminho… Fonte

Essa resenha pode conter spoilers dos livros anteriores, mas se você é fã de romances de época, dificilmente será afatedo.

Continue lendo…




Resenha: Romance com o Duque

Romance Com o Duque Ficha técnica:

 Nome: Romance com o Duque

 Autor: Tessa Dare

 Tradutor: Antônio Carlos Vilela

 Editora: Gutenberg

 Páginas: 256

 Compre aqui

 Sinopse: A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai. Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida. Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa.
Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque… Fonte

Continue lendo…




Resenha: Mais que amigos

Ficha Técnica:

Nome: Mais que amigos

Autor: Lauren Layne

Tradução: Alexandre Boide

Páginas: 256

Editora: Paralela

Compre aqui

 Sinopse:  Será que vale a pena arriscar uma grande amizade em troca de um amor inesquecível?
Aos vinte e dois anos, a jovem Parker Blanton leva a vida que sempre sonhou. Tem um namorado inteligente e responsável, um emprego promissor e a companhia de seu melhor amigo, Ben Olsen, com quem divide um lindo apartamento. Parker e Ben são tão grudados que muita gente duvida que eles morem sob o mesmo teto sem nunca ter vivido um caso, mas eles não se importam com o que as pessoas pensam. Sabem que não foram feitos um para o outro — pelo menos não para se envolver. Por isso, quando um acontecimento inesperado faz com que Parker se veja sem namorado e com o coração partido, ela sabe que pode contar com Ben para ajudá-la a sacudir a poeira e partir para outra. Afinal, ninguém seria mais ideal do que seu melhor amigo para lhe mostrar os prazeres da vida de solteiro… certo?

Semana do Dia dos Namorados está aí e nada melhor do que a resenha de um romance (com conteúdo adulto, como já avisa a capa), né?

Mais que amigos é aquele típico clichê que a gente adora amar (não gente, não é redundância, é a mais pura verdade). Nele conhecemos a Parker que é a melhor amiga de Ben e eles inclusive são colegas de apartamento. Claro que nem tudo são flores, eles são bem diferentes, mas apesar disso conseguem conviver muito bem. Ele não tem namorada mas cada semana sai com uma pessoa diferente. Ela, tem um namorado e um emprego que são perfeitos.

Continue lendo…




Resenha: O labirinto de fogo

Ficha Técnica:

Nome: O Labirinto de Fogo

Autor: Rick Riordan

Tradução: Regiane Winarski

Páginas: 368

Editora: Intrínseca

Compre aqui

 Sinopse:  No terceiro livro da série, o deus Apolo vai ser posto à prova ao enfrentar uma perigosa armadilha. Apolo, o deus mais glorioso e belo que já existiu, causou a ira de Zeus e foi expulso do Olimpo. Ele foi parar na terra, mais precisamente em uma caçamba de lixo em Nova York. Agora, ele é Lester Papadopoulos, um mortal desajeitado e sem poderes divinos. Para reconquistar seu lugar ao lado do todo-poderoso, Apolo terá que libertar cinco oráculos desaparecidos. Com a ajuda de alguns amigos semideuses, como Percy Jackson, Leo Valdez e a desbocada Meg McCaffrey, Apolo conseguiu sobreviver às duas primeiras provações de sua temporada terrena. Agora, ele vai ter que enfrentar mais um componente do triunvirato do mal formado por antigos imperadores romanos e deve descer até o Labirinto de Dédalo para impedir que o terceiro imperador destrua o próximo oráculo da lista.

E estamos aqui para mais uma resenha de um dos livros da série “As provações de Apolo”. Lembrando que essa resenha pode conter spoilers dos livros anteriores (eu só coloquei os mesmos presentes da sinopse, que não são muitos). Leia por sua conta e risco!

Continue lendo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 1 de 2912345...1020...Última »