Arquivo para a categoria ‘ Ed. Paralela ’


Resenha – Ele: Quando Ryan conheceu James

Ficha técnica:

 Nome: Ele: Quando Ryan conheceu James

 Autores: Sarina Bowen e Elle Kennedy

 Tradutor: Lígia Azevedo

 Páginas: 256

 Editora: Paralela

Compre aqui

Sinopse: James Canning nunca descobriu como perdeu seu melhor e mais próximo amigo. Quatro anos atrás, seu tatuado, destemido e impulsivo companheiro desde a infância simplesmente cortou contato. O que aconteceu na última noite daquele acampamento de verão, quando tinham apenas 18 anos, não muda uma verdade simples: Jamie sente saudade de Wes.
O maior arrependimento de Ryan Wesley é ter convencido seu amigo extremamente hétero a participar de uma aposta que testou os limites da amizade deles. Agora, prestes a se enfrentarem nos times de hóquei da faculdade, ele finalmente terá a oportunidade de se desculpar. Mas, só de olhar para o seu antigo crush, Wes percebe que ainda não conseguiu superar sua paixão adolescente.
Jamie esperou bastante tempo pelas respostas sobre o que aconteceu com seu relacionamento com Wes, mas, ao se reencontrarem, surgem ainda mais dúvidas. Uma noite de sexo pode estragar uma amizade? Essa e outras questões sobre si mesmos vão ter que ser respondidas quando Wesley e Jamie se veem como treinadores no mesmo acampamento de hóquei.

Eu já tinha falando em um dos meus Top Ten Tuesday que nesse ano eu queria ler livros LGBT porque eu já li alguns com personagens secundários, mas nunca com um personagem principal. Por isso, quando a Editora Paralela começou a divulgação de “Ele: Quando Ryan conheceu James” (que a partir de agora vou chamá-lo só de “Ele” porque o título é muito grande) eu fiquei muito curiosa e logo o coloquei na minha lista de pedidos.

Continue lendo…




Resenha: Em pedaços

Ficha técnica:

 Nome: Em pedaços

 Autora: Lauren Layne

 Tradução: Lígia Azevedo

 Páginas: 247

 Editora: Paralela

Compre aqui

 

Nessa recontagem moderna de a Bela e a Fera, Lauren Layne nos traz uma história irresistível de perdão, cura e, acima de tudo, amor.
Aos 22 anos, Olivia Middleton tem Nova York aos seus pés. Por fora, ela é a garota perfeita — linda, inteligente e caridosa. Mas por dentro ela guarda um segredo terrível: um erro que a afastou das duas únicas pessoas que realmente importavam na sua vida. Determinada a esquecer o passado, ela deixa Manhattan e vai trabalhar como cuidadora de um soldado recém chegado da guerra. Mas o que ela não esperava era que seu paciente fosse um jovem enigmático de 24 anos tão amargurado quanto cativante.
Paul Landon está furioso — com o mundo, com a vida, com o seu pai e, acima de tudo, consigo mesmo. Depois de sofrer na pele os horrores da guerra do Afeganistão, a última coisa que ele quer é a companhia de uma princesa novaiorquina linda, mimada e irritante. A presença de Olivia parece tóxica para Paul, mas ele não consegue afastá-la, mesmo tentando muito. Por mais que lutem contra uma atração intoxicante, Paul e Olivia não conseguem se manter distantes.
Agora, precisam decidir: eles vão ajudar um ao outro a curar as feridas do passado ou vão se manter, para sempre, em pedaços?

Em pedaços é o primeiro livro da série Recomeços de Lauren Layne. Cada livro vai recontar um conto, neste caso o de A Bela e a Fera. Não, ele não é um livro que tenta passar todos os acontecimentos da história original para o mundo moderno. Ao contrário, ele se baseia apenas na ideia geral do livro. Paul Landon é a “fera” – depois de sofrer os horrores da guerra do Afeganistão, que deixaram marcas físicas e psicológicas, ele vive recluso na sua mansão. O seu pai, com medo de que ele fique sozinho, tenta contratar um cuidador, mas todos eles são assustados por Paul e nenhum dura muito tempo. Por isso, ele dá um ultimato: ou Paul fica por 3 meses com a nova cuidadora ou ele não receberá mais nenhum dinheiro. E essa cuidadora é Olivia Middleton a “bela” nessa versão – a garota perfeita de Nova York que quer a todo custo fugir de algo que aconteceu no seu passado. E ela vai fazer tudo o que seja necessário, nem que seja ir para o meio do nada cuidar de um sobrevivente de guerra mesmo tendo zero experiência nisso.

Continue lendo…




Resenha: Mais que amigos

Ficha Técnica:

Nome: Mais que amigos

Autor: Lauren Layne

Tradução: Alexandre Boide

Páginas: 256

Editora: Paralela

Compre aqui

 Sinopse:  Será que vale a pena arriscar uma grande amizade em troca de um amor inesquecível?
Aos vinte e dois anos, a jovem Parker Blanton leva a vida que sempre sonhou. Tem um namorado inteligente e responsável, um emprego promissor e a companhia de seu melhor amigo, Ben Olsen, com quem divide um lindo apartamento. Parker e Ben são tão grudados que muita gente duvida que eles morem sob o mesmo teto sem nunca ter vivido um caso, mas eles não se importam com o que as pessoas pensam. Sabem que não foram feitos um para o outro — pelo menos não para se envolver. Por isso, quando um acontecimento inesperado faz com que Parker se veja sem namorado e com o coração partido, ela sabe que pode contar com Ben para ajudá-la a sacudir a poeira e partir para outra. Afinal, ninguém seria mais ideal do que seu melhor amigo para lhe mostrar os prazeres da vida de solteiro… certo?

Semana do Dia dos Namorados está aí e nada melhor do que a resenha de um romance (com conteúdo adulto, como já avisa a capa), né?

Mais que amigos é aquele típico clichê que a gente adora amar (não gente, não é redundância, é a mais pura verdade). Nele conhecemos a Parker que é a melhor amiga de Ben e eles inclusive são colegas de apartamento. Claro que nem tudo são flores, eles são bem diferentes, mas apesar disso conseguem conviver muito bem. Ele não tem namorada mas cada semana sai com uma pessoa diferente. Ela, tem um namorado e um emprego que são perfeitos.

Continue lendo…




Resenha: À Procura do Par Perfeito

À Procura do Par PerfeitoLinda, talentosa e apaixonada por seu trabalho, Kennedy é sempre estilosa, e sua imagem transmite feminilidade, confiança e profissionalismo. Quem a vê nem imagina sua adolescência difícil e uma vida inteira de luta contra o peso. Coach e consultora da famosa agência de relacionamentos Kinnection, Kennedy cria dates incríveis, encoraja solteiros a brilharem, e nunca recusa um desafio – nem mesmo Nate Ellison Raymon Dunkle, cujas iniciais são N.E.R.D! Ele é engenheiro aeroespacial, um gênio, e o mais novo cliente de Kennedy, que vai trabalhar sua mágica para transformá-lo de desajeitado e mal vestido no mais desejado gato de Verily. Quando ela se dá conta de que ela e Nate são muito parecidos e podem ser perfeitos juntos, será que ela vai permitir que seu coração entre no caminho certo? Ou seus próprios medos e inseguranças vão condená-la a uma vida de solteira enquanto ajuda Nate a encontrar outra pessoa? Fonte

Continue lendo…




Resenha: O acordo, Elle Kennedy

“Tocante, profundo, engraçado, sexy… ”O Acordo” é um romance que vai te encantar e surpreender a cada página.
Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha.
Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garret precisem repensar os termos de seu acordo.”

Nós ganhamos da parceria com a Editora Companhia das Letras o segundo livro da série “Amores Improváveis”. Apesar de essa ser uma daqueles séries em que os livros são completamente independentes entre si, ou seja os protagonistas são diferentes, eu não quis pular a ordem porque eu gosto de analisar também como um autor cresce (ou não) na sua escrita. Eu li a sinopse de “O acordo” e logo me deparei com um dos clichés que eu ADORO: duas pessoas que não se gostam fazem um acordo e acabam se apaixonando. O livro é bem o que eu esperava: um romance leve e que, se a pessoa tiver tempo, consegue ler em um dia só.

Continue lendo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 1 de 3123