Em outras palavras especial: Animais Fantásticos e Onde Habitam

Hoje a resenha do nosso Especial Harry Potter também é especial pois novamente temos a presença da querida Melissa de Sá como convidada. Ela já passou por aqui com o post incrível sobre o Pottermore e agora retorna para falar do livro Animais Fantásticos e Onde Habitam. ‘Bora ler mais uma postagem sobre essa série tão querida?

E a bola da vez do Especial Harry Potter (iniciativa do Por Essas Páginas, mas com colaboração do Livros de Fantasia) ficou por minha conta (Melissa de Sá). A resenha de hoje é sobre o volume extra Animais Fantásticos e Onde Habitam.

Título em português: Animais Fantásticos e Onde Habitam
Título Original: Fantastic Beasts and Where to Find Them
Autor: J.K. Rowling
Ano de publicação: 2001
País de Origem: Reino Unido
Tradução: Lia Wyler
Editora: Rocco
Número de páginas: 64

Animais Fantásticos e Onde Habitam foi lançado em 2001 juntamente com Quadribol Através dos Séculos. A venda dos dois volumes vai para a Comic Relief, um fundo que promove a justiça social e a eliminação da pobreza. Dessa forma, o livro representa dois grandes pilares do trabalho de J.K. Rowling: uma preocupação com o social (afinal, Rowling é conhecida por diversas doações e iniciativas sociais além de desenvolver temas como preconceito e igualdade social em seus livros) e uma veia cômica inegável (a Comic Relief foi fundada por comediantes e em sua obra Rowling também tem uma veia cômica afiada). Animais Fantásticos é um volume simples, mas engraçado e representativo para os fãs da série. Seja pelo humor, seja pelo universo criado por Rowling.

Eu me lembro que a primeira vez que li esse livro, foi pelo exemplar da minha irmã. Foi ela quem comprou o volume e depois me emprestou. Nós duas sempre fomos fãs da série e estávamos ansiosas pra saber o que teria nesse livro pequenininho. Já logo de cara, ele me ganhou. Isso porque ele tem várias conexões deliciosas com a série Harry Potter. Primeiro porque o livro, Animais Fantásticos e Onde Habitam, é na verdade o livro Animais Fantásticos e Onde Habitam que é citado na série. Trata-se de um dicionário com pequenas entradas sobre animais mágicos como o iéti ou o amasso.

Mas o mais legal não é isso. O prefácio do livro foi escrito por Alvo Dumbledore (daquele jeito engraçado e bizarro que só o Dumbledore tem) e a intenção é que o livro seja uma reprodução do exemplar de Harry usado nas aulas em Hogwarts. Por esse motivo, o livro tem várias anotações de Harry ao longo das páginas. A questão é que justamente por causa dessas anotações, o livro é mesmo hilário. Até porque não é só Harry quem escreve no livro, mas também Rony (porque o livro dele foi destruído, como ele bem explica) e algumas vezes, Hermione. A dinâmica do trio é incrivelmente mantida nesses pequenos rabiscos. Rony é displicente com os estudos, Harry é relaxado e Hermione fica brigando com os dois.

Tudo isso já é introduzido logo na primeira página (infelizmente não consegui essa figura em português, mas dá pra ter uma ideia de como o livro é organizado):

Logo nessa parte temos uma briga entre Rony (a letra de forma) e Hermione (a letrinha pequena). Rony diz que o livro dele foi destruído e Hermione reclama que ele deveria ter comprado um livro novo, mas que ao invés disso comprou Bombas de Bosta. Aí Rony termina dizendo que as Bombas de Bosta têm prioridade. Quem aí morre de amores por Rony/Hermione, hein? * olhos brilhando *

Exemplos como esse enchem o livro todo. Harry e Rony brincam de forca, reclamam de quadribol, fazem jogo da velha e comentários engraçados. Por exemplo, na entrada “uma breve história da percepção…”, Rony circula a palavra “breve” e escreve “mentiroso”. Ou, na entrada sobre a acromântula que diz que os boatos sobre a existência de uma colônia de acromântulas na Grã-Bretanha não terem sido confirmados, Ron risca o “não forma confirmados” e escreve “confirmados por Harry Potter e Rony Weasley”. Coisa que faz qualquer fã da série sorrir.

Mas o livro em si já é bastante interessante. O dicionário de criaturas mágicas é um apêndice importante para o mundo criado por J.K. Rowling e em suas páginas passamos a entender mais sobre como as criaturas mágicas estão dispostas no mundo, o que elas fazem, porque os trouxas não as vêem e quais são as leis que regem o controle dessas criaturas (e como Hagrid as desconhece rs).

É um livro fininho, de leitura rápida, que dá pra ler direto, numa sentada só. Uma delícia para quem gosta da série Harry Potter e uma obrigação pra qualquer um que se intitula fã.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  


  • Giovana Suda disse:

    Oie! Tudo bem? Gostaria de seguir o seu blog mas não encontro o Google Friends Conecting 🙁
    Bjos!

    [Reply]

    Karen Reply:

    Giovana, se quiser nos seguir, utilize o Facebook ou o Twitter! Não utilizamos o GFC. Inclusive nas promoções vigentes as regras são sempre curtir o Facebook ou seguir o Twitter. =)

    [Reply]

  • Melissa de Sá disse:

    Aproveitando o comentário off-topic: não tem nenhuma chance de vocês fazerem uma newsletter daquelas que fazem alerta por e-mail? Eu sinto tanta falta disso porque sempre fico atrasada com os posts aqui. blé

    ah, e valeu pela chance de postar aqui! É sempre bom ser convidada do PEP. 🙂

    [Reply]

    Karen Reply:

    Huuummm… bacana mesmo a ideia, Mel. Vou pesquisar para ver como faz isso. =)

    [Reply]

  • Sabrina disse:

    Ah, esse livro é um velho queridinho! É tão encantador! (sim, isso soou um pouco “Hagrid”, dizer que monstros são fofinhos…)

    [Reply]

  • Vania disse:

    Outro que não li simplesmente porque me recuso a não ter nada novo de Potter pra ler… mas tenho ele aqui e já folheei algumas vezes… parece ser bem engraçado mesmo! Ai ai, acho que não vou resistir e em breve lerei…

    [Reply]

  • Priscila Gatti disse:

    Aiiiiiiiii… QUE LINDOOO!!!
    To louca pra ler.
    Adorei a resenha!!

    [Reply]

  • Aline T.K.M. disse:

    Adoro esses livrinhos complementares da série HP! Gostei muito de Animais Fantásticos, claro, mas sabe de uma coisa, gostei mais do livrinho do Quadribol. Li os dois na mesma época, há muito tempoooo, na época que lançou mesmo, e lembro que pirava muito, já era uma grande fã da série.

    Beijoka, Livro Lab

    [Reply]

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem