Adaptação: Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1

E cabe a mim a espinhosa e honrosa tarefa de terminar as resenhas de filmes do Especial Harry Potter. Quem não leu as outras resenhas, volte um pouco no tempo e leia-as! Bem, quando Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 (e eu achei muito bom terem dividido o último livro em dois filmes, foi uma escolha acertada) foi lançado já não havia mais livros de Harry Potter para ler… Nós já sabíamos de cor e salteado toda a série e, sim, sabíamos também o final. O que significava que os filmes pareciam ser nossa última chance de algo inédito. Então todos fomos ao cinema com alguma nostalgia, mas ainda cheios de alegria porque, afinal, era Harry Potter e essa era parte 1, então, tudo bem, haveria ainda a parte 2. E havia também a pergunta: onde será que eles vão cortar o livro? Em qual parte será o final desse primeiro filme?

Pôster_HP7_1“Harry, Ron e Hermione estão determinados em sua missão de descobrir e acabar com o segredo da imortalidade e do poder de destruição de Voldemort – as Horcruxes. Fugitivos e sozinhos, os três amigos devem apenas contar uns com os outros, agora mais do que nunca… Mas as Forças das Trevas no caminho ameaçam separá-los para sempre.”

Ufa, a sinopse do DVD é legal. Não é ridícula como a sinopse de Harry Potter e a Câmara Secreta. Mas vamos ao que interessa. E já aviso que essa resenha foi impossível de fazer sem colocar spoilers, mas se você não viu esse filme até agora, largue tudo, tudo mesmo, e vá assisti-lo.

Dobby never meant to kill! Dobby only meant to maim, or seriously injure!




Sexta do Sebo #21

sexta_do_sebo

Mais uma semana e mais uma Sexta do Sebo, gente! Semana passada perguntamos: vocês têm preconceito literário? E o pessoal confessou tudo! Nós aqui do blog também confessamos e todas temos o mesmo preconceito: Cassandra Clare. Nós a conhecemos como Cassandra Claire, há muito tempo, quando ela escrevia fanfics sem pé nem cabeça de Harry Potter. E ela falou cada coisa da tia Jô – que nem preciso dizer que é a nossa diva por aqui, né? – que a gente acabou pegando birra da moça. Então, não importa o quanto digam que os livros são bacanas (e algumas capas são também muito legais), não tem jeito: nós não lemos Cassandra Clare.

Vamos lembrar as regras?

Lembrando que a Sexta do Sebo é inspirada no PsychoSunday do blog Psychobooksque por sua vez se inspiraram no Second Hand Saturday do Reading Teen.

Toda semana faremos uma pergunta sobre literatura em geral. Não há resposta correta, o que queremos são os comentários e opiniões do vocês. Entre os comentaristas do post realizaremos um sorteio na semana seguinte (próxima sexta) e o vencedor poderá escolher um livro entre os que estão na lista divulgada no tópico. Serão válidos os comentários desde o dia do post (sexta-feira) até a quinta-feira da semana seguinte. Vale a pena lembrar que todos os livros dessa lista são usados, ou seja, eles podem ter algum defeito na capa, folhas amareladas, dedicatórias, livros encapados ou qualquer outra coisa do gênero, mas todos estão em bom estado para leitura. São livros da nossa equipe que, originalmente, estavam destinados aos sebos (por isso Sexta do Sebo!), porém, ao invés disso, resolvemos sortear aqui no blog. Alguns livros estão em inglês, como podem ver na lista, e alguns livros serão enviados dos Estados Unidos (a Vania da nossa equipe mora lá); para esses livros, o prazo de entrega pode variar um pouco mais. Para os demais, é o prazo normal que utilizamos no blog, ou seja, 30 dias após o recebimento do endereço do vencedor. O vencedor será sempre divulgado nas sextas-feiras, no post da próxima edição da Sexta do Sebo e nesse post será feita uma nova pergunta que valerá para a semana seguinte. Nesse sorteio nós não avisaremos o vencedor como geralmente fazemos; quem comentou deverá acompanhar os novos posts todas as sextas-feiras e, caso seja o vencedor da semana, deverá enviar um e-mail para o contato@poressaspaginas.com com seu endereço em até 48 horas. O sorteio será realizado via Random

O vencedor da Sexta do Sebo #20 foi… Continue lendo…




Resenha: Como falar com as garotas nas festas

como falar com as garotas nas festas“Dois garotos lotados de hormônios, uma festa e mulheres com uma beleza de outro mundo. Indicado ao Hugo Awards de melhor conto em 2007, Como falar com as garotas nas festas é exatamente o que todo leitor espera de Neil Gaiman: inusitado e surpreendente. Esta edição especial em e-book, disponível por tempo limitado, inclui um trecho de O oceano no fim do caminho, o mais recente romance do autor, também publicado pela Intrínseca.” Fonte

Não sei dizer porque demorei tanto para resenhar esse conto, ele é ótimo! Acho que talvez tenha sido o fato de que eu o baixei (ainda de graça na Amazon – CORRAM) e imediatamente o li, me diverti horrores e depois voltei às minhas leituras. Aí a resenha foi ficando esquecida, o que é inadmissível porque, preciso dizer a vocês, esse conto é incrível e deve ser lido. Bem, tem um detalhe na capa que já indica que ele deve ser lido: é um conto de Neil Gaiman.

Continue lendo…




Resenha + Promoção: O Livro do Amanhã

Demorou, mas saiu! Faz tempo que li O livro do amanhã, mas aconteceram TANTAS coisas aqui do outro lado da tela que não conseguia postar a resenha dele. Pois bem, não apenas teremos a resenha, como também uma promoção. Mas vamos por partes, primeiro, a resenha.

O_LIVRO_DO_AMANHASinopse: Nascida no luxo, Tamara Goodwin, de 16 anos, nunca precisou olhar para o amanhã, até que a morte abrupta de seu pai deixa a ela e a sua mãe uma montanha de dívidas e as obriga a se mudarem para a casa dos tios de Tamara, em um vilarejo no interior. Solitária e entediada, a única diversão de Tamara é uma biblioteca itinerante. E ali, ela encontra um livro muito misterioso. Tamara vê inscrições com sua própria letra e datadas para o dia seguinte. Quando tudo acontece exatamente como o livro previa, ela percebe que pode ter encontrado a solução para seus problemas. No entanto, Tamara descobre que é melhor não virar algumas páginas e que, apesar de muito tentar, não pode mudar o destino. Fonte

Embora eu tenha um exemplar de P.S. Eu te amo, esse é o primeiro livro de Cecelia Ahern que eu li.  A leitura é intrigante e, embora algumas partes pareçam monótonas ou descritivas demais, ela consegue aguçar sua curiosidade a partir de determinado ponto da história que é difícil largar o livro antes do final.

“Dizem que uma história perde algo cada vez que é contada. Se assim for, esta nada perdeu, pois a contarei pela primeira vez.”

Continue lendo…




Top Ten Tuesday: Top 10 Temas de Top Ten Tuesday

ttt2013

Então, esse Top Ten Tuesday de hoje na verdade deveria falar de 10 autores que merecem mais reconhecimento. Só que sinceramente eu não me sinto apta para recomendar ninguém! Não que não existam autores que eu deva recomendar, mas acho que atualmente tenho lido autores que já têm certo reconhecimento. Por isso eu resolvi fazer uma “mistureba” e recomendar os 10 posts do Top Ten Tuesday que eu mais gostei que já passaram por aqui no Por essas páginas.

A minha seleção não conta apenas com os posts que fiz, mas com os que as minhas amigas daqui do blog já fizeram. É um revival, espero que vocês possam reservar um tempinho para conferir pelo menos alguns.

O Top Ten Tuesday é um meme semanal criado pelo The Broke and the Bookish.

Recordar é viver!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...