Meu autor de cabeceira: Sir Arthur Conan Doyle

É muito comum que uma pessoa amante de leitura tenha um “livro de cabeceira”, aquela obra favorita que nunca sai de perto e que sempre gostamos de folhear de vez em quando, para nos distrair ou meramente para matar as saudades da nossa história favorita.

Bem, por trás das histórias existem os autores. Ao nos apegarmos a uma história, consequentemente saímos à procura de alguma outra história relacionada à primeira. Se não encontramos, ou não existe, vamos procurar outras obras do mesmo autor, ou procurar saber um pouco mais sobre sua vida.

Todos os problemas se tornam infantis depois de explicados.




Resenha: Quem é Você, Alasca?

Após ter terminado o melhor livro que li até agora nesse ano, tento me lembrar do motivo pelo qual comprei Quem é Você, Alasca? (título original e muito mais interessante Looking for Alaska) e não consigo me decidir. Ele estava na lista de livros recomendados de acordo com minhas compras passadas, e sua capa, ah sua capa me chamou a atenção. Uma vela. A fumaça. E então eu li a sinopse e soube que precisaria ler, precisaria saber o que era antes, o que viria depois e o que aconteceu para mudar tudo.

Se pessoas fossem chuva, eu seria uma garoa e ela um furacão




Resenha: Eu Sou o Número Quatro

Nove crianças são mandadas às pressas para a Terra com seus guardiões após a invasão de seu planeta natal, Lorien. A cada criança é dado um número, o que impede que elas sejam mortas fora de ordem caso vivam separadas. Ao chegar na Terra, cada uma das crianças segue para lugares diferentes com seus respectivos guardiões e elas nunca mais se vêem enquanto crescem tentando escapar dos Mogadorians – raça que destruiu Lorien e agora está na Terra.

Três estão mortos. Eu sou o Número Quatro. Eu sou o próximo.




Leitor Eletrônico

Desde que o Kindle – leitor eletrônico da Amazon – virou febre nos Estados Unidos, a concorrência aumentou consideravelmente. Temos o leitor da Sony, o Nook da Barnes & Noble e é claro, o famoso iPad que funciona como leitor de livros dentre muitas outras coisas. Eu acompanhei de longe essa evolução, me recusando a procurar saber mais porque honestamente nada substitui o bom e velho livro de papel pra mim. Mas eis que semana passada – meu aniversário – um presente inesperado chegou pra mim: um Nook!

Porque eu preciso sentir aquele cheiro de livro novo…




Resenha: Harry, a History

Olááá,

Bem, confesso que fiquei MUITO animada quando fiquei sabendo que a Editora Rocco irá publicar o livro “Harry, a History” (que terá como título “Harry e seus fãs”). Eu tive essa reação porque achava difícil que ele fosse traduzido (aliás, é difícil até achá-lo aqui em inglês para comprá-lo). A tradução será lançada no dia primeiro de março, e como eu já li esse livro em inglês, resolvi comentar um pouquinho sobre ele!

Vamos relembrar o passado?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 386 de 394« Primeira...102030...384385386387388...Última »