Resenha: Eleanor & Park

Quando a Novo Século disponibilizou esse livro, eu imediatamente solicitei para leitura. Sim, muito motivada pela maravilhosa resenha que a Lany postou aqui e confesso que vai ser difícil falar de Eleanor & Park novamente sem soar repetitivo e redundante, porque realmente você cai de amores pela história. Mas, uma vez que o livro foi enviado e é a tradução oficial, acho mais do que justo postar aqui as minhas observações.

ELEANOR_E_PARKSinopse: Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo. Fonte

Não vou falar muito aqui da história, mas o que vocês precisam saber: Eleanor é a “menina nova da escola” e ninguém simpatiza com ela. No começo, Park apenas permite que ela se sente ao lado dele no ônibus da escola, já que ninguém mais deixa. Aos poucos, eles começam a se falar, primeiro através da leitura em quadrinhos que compartilham no ônibus, depois pela trilha sonora. E, sem perceberem, acabam se apaixonando.

A história é linda, sensível e franca. Todas as dúvidas e temores, além das alegrias e surpresas são passadas com perfeição de forma que você não quer parar de ler até que tenha terminado o livro e ainda procura por mais.

Sabe aqueles livros que mostram a adolescência nua e crua? Que pode ser legal, mas também tem seu lado cruel? Bem, você encontra isso nesse livro, e um pouco mais.

O interessante da história é que ela se passa nos anos 80. Então temos de volta fitas cassetes e walkman e, vejam que surpresa , os problemas que muitas famílias enfrentam hoje em dia não mudam. Além do bullyng que Eleanor sofre por ser ruiva e por ser “grande”, a família dela também tem problemas, a maioria relacionada ao padrasto, que dava uma de chefe da família – machista e possessivo. Totalmente o oposto da família de Park, que é amorosa – talvez até demais – e que dá apoio aos filhos sempre que possível.

O livro é narrado em terceira pessoa com os pontos de vista dos dois protagonistas intercalados dentro de um mesmo capítulo. Não pensem que a narrativa em terceira pessoa torna o livro menos sensível, porque retrata os sentimentos dos dois com maestria.

Durante a leitura, torcemos muito para que tudo dê certo para os dois. Algumas cenas são de partir o coração, outras são de ver coraçõeszinhos em cima da nossa cabeça de tão fofo que é. Enfim, a leitura é muito mais que recomendada!

Este livro foi gentilmente cedido para resenha pela Novo Século.

novoseculo

Ficha técnica:

Nome: Eleanor & Park
Autor: Rainbow Rowell
Páginas: 328
Editora: Novo Século
Onde comprar: Livraria Cultura / Livraria Cultura (e-book) /Amazon
Minha avaliação: 

Essa postagem está participando do Top Comentarista de Agosto. Por favor, preencha o formulário abaixo após postar seu comentário. Basta clicar na imagem para abri-lo em nova página!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  


  • Patrini Viero disse:

    Eu sou completamente doida pela sinopse desse livro, sem falar na capa, que é maravilhosa e cheia de significados. Há muito tempo ele está na minha wishlist, e tenho certeza que vou adorar a história assim que surgir uma oprtunidade para ler o livro.Parabéns pela resenha!

  • Suelen Mendes disse:

    Já ouvi falar tanto desse livro,que não sei pq ainda não li,tenho ele aqui,mas sempre tem um ou outro que entra na frente!Me senti tentada a ler kkk
    Um fato que eu não sbia sobre esse livro e que descobri através da sua resenha é que o livro se passa nos anos 80,isso me deixou ainda com mais vontade de ler!
    Bjus

  • Marília Sena disse:

    Esta é a minha leitura do momento, pena que já está no fim. Eu concordo com tudo o que foi dito, principalmente com o fato de ambos os pontos de vista serem retratados de uma forma tão verossímil que às vezes eu chego a esquecer que é em terceira pessoa. É uma leitura muito doce e divertida e sensível, nem quero chegar ao final. A história não se dá de uma forma clichê, como vemos muito por aí… É super natural. Que pena que você não falou mais, Lucy.
    Beijos!

  • Michely Reis disse:

    É me parece que o livro é tudo de bom ein..nunca tinha ouvido falar desse livro mais me paresse muito bom..retratar do bullyng.. dos problemas na adolescencia… com a fase boaa.. hahahaha os dois se apaixonando ddeve ter sido o máximo de compartilhar quadrinho..até a paixão que gaxinha..espero ter a oportunidade de ler
    beiiijocas *–*

  • Michele Lopez disse:

    Oie…
    Não conhecia o livro, mas parece ser uma excelente leitura. Parece ser bem envolvente e agradável.
    Achei bem interessante os assuntos que o livro aborda e parece fazê-lo com uma leveza incrível.

  • Solange Cristina disse:

    Own ..
    Livros fofura são tudo de bom .. Eleanor e Park parecem muito dois personagens de um filme q eu assisti mas ñ lembro o nome !
    Livros de outras épocas sempre me encantam e acho que vou gostar bastante !
    :) :)

  • Nathalia Simião disse:

    Fiquei com muita vontade de ler o livro. Gosto de romances simples assim, que retratam a vida dos personagens, suas batalhas, tudo fofinho, esses romances de hoje em dia cheios de cenas hot e pegação não tem a profundidade que esse livro parece ter. bj

  • Fábrica dos Convites (@Fabdosconvites) disse:

    Já li muita resenha positiva deste livro, mas não sei o motivo, não consigo me empolgar em ler.
    Bjs rose

  • Resenha: Fangirl « Por Essas Páginas disse:

    […] em romance, o romance desse livro é lindo. Tenho que ser justa: ele não é tão lindo quanto o de Eleanor & Park, mas eles também me ganharam completamente! Esse é mais um dos pontos que fazem parte do […]

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem