Resenha: Lick

LICKNo impulso de uma noite de diversão e bebedeira em Las Vegas, Evelyn Thomas casou-se com um desconhecido. No dia seguinte, porém, ela se deu conta de que aquilo fora um terrível engano. Então, decidiu manter este pequeno deslize em segredo. O que Evelyn não sabia era que havia se tornado a esposa do cobiçado David Ferris, guitarrista da famosa banda de rock Stage Dive. Agora, ao retornar para sua casa em Portland, ela terá de enfrentar as perseguições de repórteres, fugir às loucuras das fãs do astro e ainda encarar sua família, que não demonstrou nenhum contentamento com o ímpeto matrimonial da jovem filha. Será que Evelyn conseguirá resistir às delícias de David a fim de permanecer como “a garota certinha” ou decidirá embarcar nessa glamourosa aventura junto ao marido rockstar? Fonte

Pois é, eu acabei caindo nas graças de um livro que tem um cara musculoso e tatuado na capa. Em minha defesa, eu gostei da premissa do livro, embora bem previsível, do começo ao fim. Além do mais, eu sempre procuro um livro mais despretensioso para curar minha ressaca literária e Lick veio bem a calhar.

Imagine que você é a filha certinha, que tem seu futuro já todo traçado (pelos seus pais) e que decidiu sair para beber em Vegas e se divertir. Você só não espera acordar com aquele enjoo incrível, com a cara virada para uma privada e… um cara mega bonitão ali do seu lado.

Fora o fator “que mico!”, Ev tem que lidar com o fato de ter um mega anel no seu dedo, indicando que os dois haviam se casado. Quando seu marido (que até então ela não havia reconhecido) percebe que ela não se lembrava de nada, ele ficou, hm… bem irritado e foi embora. Simples assim, bateu a porta e saiu, falando que os advogados cuidariam de tudo. Legal, né?

Bem, nem tanto. Afinal de contas, Ev acaba de se casar “acidentalmente” com David Ferris, famoso guitarrista da banda Stage Dive. Por isso, teve sua vida exposta, além de uma tatuagem em um lugar nada discreto… Enfim, o caso é que David não facilitou as coisas para Ev e agora ela tem que correr se quiser ter a sua vida de volta. Mas será que ela quer mesmo?

Embora seja uma história clichê, existem pontos positivos a serem considerados: A história é bem humorada e, apesar de Ev ter disposição para sofredora, ela não leva desaforo pra casa; David pode te tirar do sério, mas no final você sempre vai perdoá-lo – mesmo porque ele faz por merecer; as cenas hots são super hots, com selo de padrão de qualidade para new adults de tirar o fôlego.

Sobre os personagens secundários, o baterista da banda, Malcon,  roubou algumas cenas nesse livro e eu fiquei mega curiosa sobre a história dele e ainda consegui descobrir que ele é muito sem noção. Já li Play e a resenha sairá em breve por aqui. Lauren e Nate, a melhor amiga e irmão de Ev, respectivamente, também tiveram uma boa participação, mas nada que mude o foco ou tenha um grande destaque. O livro foi bem centrado em Ev e David, que são personagens carismáticos suficientes para manter a história.

Livro despretensioso, como disse, uma ótima opção para se distrair.

Ficha técnica:

Nome: Lick
Autor: Kylie Scott
Páginas: 304
Editora: Universo dos Livros
Onde Comprar: Saraiva / Saraiva digital / Livraria Cultura / Livraria Cultura (e-book) / Submarino / Amazon
Minha avaliação:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  


PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem