Resenha: Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar

NOVE_REGRAS_A_IGNORAR_ANTES_DE_SE_APAIXONAR“A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres. E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato. Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres. Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.” Fonte

Imagine que você tem um nome… digamos, incomum (eu sei que eu tenho rs). Imagine então, que seu biotipo não atrai os caras mais legais e, pior, só atrai caçadores de fortuna e você, ainda por cima, recusa a se casar com qualquer um deles. Vivendo na época que Calpúrnia vivia, isso era um tiro no pé, mas sendo uma pessoa sonhadora que acredita no amor, ela decide permanecer solteira.

O problema é que na época em que vive, ser solteira era ser o estorvo da família. Com o noivado da irmã mais nova, Callie percebe os olhares de pena para seu lado – inclusive de sua própria irmã! – então decide desafiar os costumes e fazer coisas que seriam extremamente escandalosas para uma dama. A primeira delas, principalmente: Um beijo apaixonado. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, sua paixão secreta, para ajudar com esse item?

Já Ralston, que não sabia da paixão de Callie, não entendeu nada quando ela apareceu no meio da noite em sua casa lhe pedindo um beijo. Mas, ele precisava da ajuda de alguém que tivesse a reputação intacta para ajudar sua recém-descoberta meia-irmã a entrar na sociedade londrina com bons olhos. Então, eles selam um acordo com um beijo.

Mesmo ajudando a irmã de Gabriel, Callie segue com sua lista, arriscando sua reputação. Já Gabriel, a princípio não querendo que sua irmã seja prejudicada caso Calpúrnia seja pega, passa a ajudá-la, mesmo não concordando com o que ela faz. Com a convivência entre eles, Gabriel passa a conhecer melhor Callie e percebe que ela não é aquela garota sem graça que todos pensam. Ela tem personalidade e uma vontade de viver incrível.

Claro que os dois ainda tem muito chão pela frente para encontrar o felizes para sempre, mesmo porque Gabriel é daqueles que sempre fala algo desagradável, só para demonstrar que não se importa – quando se importa muito.

De tantos livros de romance de época que já li, esse é o primeiro de Sarah MacLean que leio, por incrível que pareça. Gostei muito da escrita dela, o texto flui perfeitamente e a química entre os personagens é ótima! Espero que a Arqueiro publique logo o segundo volume, é uma série que vale muito a pena para quem é fã do gênero!

Esse livro foi gentilmente cedido para resenha pela Editora Arqueiro.

Arqueiro_parceria

Ficha técnica:

Nome: Nove regras a ignorar antes de se apaixonar
Autor: Sarah MacLean
Páginas: 384
Editora: Arqueiro
Onde Comprar: Livraria Cultura / Kobo / Saraiva / Saraiva digital /  Amazon
Minha avaliação:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  


  • Fabrica Dos Convites disse:

    Também gostei muito deste livro e de seus personagens. A escrita da autora é ótima, deixando o leitor preso no enredo. Como este foi seu primeiro livro dela, tomo a liberdade de te recomendar um outra série dela que estou acompanhando e gostando. É a série O Clube dos Canalhas publicado pela Gutenberg.
    Bjs, Rose.

  • Milena Soares disse:

    Estou doida pra ler esse livro, curto muito um romance de época, gosto muito da escrita da Sarah MacLean e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

  • Sorteio: Nove regras a ignorar antes de se apaixonar « Por Essas Páginas disse:

    […] Deixar um comentário pertinente na resenha. […]

  • Estela Regina da Cruz disse:

    Estou com muita vontade de ler este livro. De época, um amor que vai aparecendo na convivência… Torço por eles.

  • Caroline Garcia disse:

    Estou bastante curiosa a respeito desse livro.
    Não li nenhum livro da Sarah ainda, mas tem cara de ela ter uma escrita muito interessante.
    Amo, mas bem amadinho mesmo, romances de época e esse está na minha lista de desejados :)
    Pela sua resenha agora fiquei com mais vontade de ler, espero ter ele em mãos em breve rs
    Beijos
    Caroline Garcia

  • Rissia Ribeiro disse:

    Eu já li esse livro e menina preciso dizer que é o começo do ano mas esse livro me surpreendeu de um jeito tão bom que quero a continuação pra ontem, sabe o Gabriel mesmo sendo um personagem que tinha atitudes que me faziam querer entrar dentro do livro e dar uns tapas nele, ele ainda sim se tornou um dos meus queridinhos kkk E eu simplesmente adorei a Callie, pelo amor mana não tinha outro nome mais fácil pra ela ?, uma personagem que me muitas vezes mostrou força e que muitas vezes eu tava falando assim pra cenas dela -” miga, vai nesse que agora é a sua vez!”. Eu adorei a sua resenha.

  • Gizeli Regina Meister disse:

    a capa desse livro é linda demais. Eu não conhecia o livro ou a autora, mas achei a premissa diferente dos livros que já vi achei bem interessante e gostei bastante da sua resenha, trouxe os elementos que instigaram a minha curiosidade para saber mais do livro. bjus

  • Layana Macedo disse:

    Que legal!! Comecei a ler os romances de época da arqueiro esse ano e por enquanto estou gostando. Esse também entrou na wishlist!

  • Lana Silva disse:

    Todos que já leram esse livro te feito muitas criticas positivas, tanto em relação a escrita da autora, como sobre a relação do casal, e isso tem feito com que eu cada vez mais tenha interesse em ler esse livro, gosto de romances em que o casal e realmente cativante, e acaba te prendendo a leitura, que e o caso desse livro, esse eu já inclui nas minha leituras desse ano.

  • Rafaela Saturnino disse:

    Eu sou apaixonada por romances de época, e também não li nada da Sarah MacLean ainda. Estou doida pra ler esse livro. Ele parece ser super fofo, e já gostei dos protagonistas. Espero ler ele logo :)

    Beijos!

  • silvana gomes disse:

    Confesso que ainda não li esse livro mas já ouvir falarem muito super bem dele,gostei da resenha mais um pra lista …

  • Cristiane Dornelas disse:

    Não li nada dela até agora e esse foi um que me chamou atenção pelo jeitinho. De todos que venho vendo dela ultimamente esse é o que mais gostei. A sinopse me conquistou e pelo que estou vendo vale mesmo a pena. Nem li esse e já estou ansiosa também pra que a editora lance mais! Quero ver se a escrita dela é mesmo boa assim.

  • Cailes Sales disse:

    Olá! Sou apaixonada por romances de época e estou super curiosa para fazer a leitura desse livro, pois a trama me parece bem romântica e também divertida, acho que a Calpúrnia vai aprontar todas kkkkk Amei a premissa da história, assim como o de todos os livros da Sara que já li resenhas e estou cada vez mais curiosa! Penso que é uma obra adorável, com personagens cativantes! Enfim, não vejo a hora de fazer a leitura!

  • Rose Gs disse:

    É o que sempre digo só to solteira inda porque s pessoas se ligam em esteriótipos e não com o mais importante que é personalidade e modéstia parte a minha é incrível kk. Agora falando serio, amei a Calpúrnia e seu jeito diferentona, adoro encontrar essas mulheres nos romances de Época. Espero poder ler em breve e torcer pra lançarem os próximos volumes da serie né… rsrs
    Bjocas!!

  • Nil Macedo disse:

    Nunca li nada da Sarah MacLean. Mesmo sendo um romance de época esse me pareceu ser diferente do comum. Afinal a mocinha não parece estar querendo ser bem vista pela sociedade,né? Adoro as capas desse livros, são sempre tão românticas.

  • Andrea Barbosa disse:

    Oi tudo bem
    Bom ainda nao li ainda esse livro mas alem de ja ter ouvido otimos comentários sobre ele e de a resenha ser otima, resolvi le-lo pq amo romance e de epoca nem se fala e gostei bastante da capa, e adoro essas personagens que quebram regras , apesar dessa personagem do livro ter demorado um bocado…

  • Bruna Costenaro disse:

    Livros de época são amor, eles são tão refrescantes entre leituras mais densas! Até agora meus favoritos são os da Lisa Keyplas, mas quem sabe esse tb não vai para os favoritos?

    Miquilis

  • Suelen Mendes disse:

    Porque tudo hj em dia tem que ser série meu Deus!
    Confesso que só pelo título esse livro já me ganhou. Adoro romances de época e essa premissa me chamou tanto a atenção que acho que vou acabar embarcando em mais uma série.
    Beijos

  • Pamela M. disse:

    Eu gosto muito de romances de época, e estou louca pra ler esse livro! Quando eu li esse título já fiquei com vontade de ler o livro, ele parece ser bem divertido e já gostei dos personagens. Já quero ler esse livro e quero que a Arqueiro publique o próximo livro logo =D
    Bjss

  • Douglas Fernandes disse:

    Eu ainda nao li nenhum romance de época, até tenho vontade, pq todo mundo fala maravilhas de todos os livros desse gênero, um dia ainda pego um livro pra desse estilo pra matar minha curiosidade, Achei a historia desse interessante, interessante esse negocio de regras… hahahaha

  • Irene Moreira disse:

    Gosto muito de Romances de Época e a Arqueiro arrasa nesse gênero. Sou fã da Sarah MacLean e neste romance sinto que ela toca os corações dos leitores.
    Adorei sua resenha que só me fez querer ler esse livro agora.
    Beijinhos

  • Sueli Cobbos disse:

    Eterna apaixonada por romances de época e querendo muito ler mais uma. O enredo do livro me parece ser um tanto divertido e romântico. Quero saber o que vai acontecer com a protagonista que resolve desafiar as regras rígidas de sua época. Pena que pelo que pude ver é mais uma série. Acho isso um tanto chato, mas vamos esperar para ver o final.

  • Francisca Elizabete disse:

    O livro está bem comentado!! Gabriel e Calpúrnia vão se divertir bastante até se darem conta de que estão apaixonados, uma vez que ela apenas queria quebrar algumas regras!! Já quero ler!!

  • Vania Sampaio disse:

    Aaah esses romances de época… Impossível não se apaixonar. já está na na minha lista de desejados e só pela resenha já me fez suspirar.
    Isso é o que mais gosto nesse tipo de leitura. Adoro as mocinhas nada convencionais, fortes e à frente do seu tempo. E esses mocinhos que por mais que tentem negar acabam se rendendo a esse sentimento.
    Louca pra saber como Gabriel e Calpúrnia vão lidar com essa tensão entre os dois, hehehe.

  • Helen Dutra disse:

    Gente, mas que nome mais incomum né? Calpúrnia! Achei engraçado kkkk
    Esse fim de semana, no Encontro de romances de época da Arqueiro, ouvi muitos comentários positivos sobre esse livro, inclusive, que há muitas partes cômicas durante a leitura. Estou ansiosa para ler e tirar minhas próprias conclusões. :)

    Bjos,
    Helen Dutra

  • Márcia Saltão disse:

    Ainda não li nada de Sarah MacLean mas esse livro promete! Como sempre, sua resenha esta perfeita, na medida certa. Gosto muito de romances de época..somos transportados par um mundo mágico, com outra cultura e outra maneira de encarar a vida e o amor. Na minha listinha imensa de leitura. Obrigada. Abraços.

  • Amanda Pampaloni Pizzi disse:

    Eu sempre acho esses romances de época muito iguais. Claro, a fórmula é basicamente a mesma, com poucas alterações. Mas este me parece divertido, com uma mocinha não muito bonita e que tem uma personalidade forte.
    Beijos.

    http://www.historiamuda.com.br

  • Marie dos Santtos disse:

    Adoro romance de época!! Calpúrnia Hartwell pelo que pude perceber, sempre andou na linha, uma moça comportada, porém até o momento não casou!! Então pelo jeito, ela quer aproveitar a vida ao máximo ignorando algumas regras!! Mas parece que ela vai ser surpreendida pelo amor!!

  • Suzzy Chiu disse:

    Olá, tudo bem?
    Amo romance de epocas e com certeza Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar está entre os que mais quero ler.
    Ainda mais depois que pude conhecer mais da historia aqui no blog.
    Tb nao li ainda nada da Sarah MacLean e vou fazer como vc e começar por esse.
    Capa perfeita demais!
    Adorei a sua resenha.
    Beijos!

    Livros e Sushi • Facebook InstagramTwitter

  • Drielle Giovana disse:

    Tem tempos que eu vejo livros desse tipo saindo e ainda não li nenhum, to com muita vontade de ler!
    Tadinha da protagonista, de nome estranho eu entendo rs Fiquei ansiosa e encantada com a trama, o nome e a capa já tinha me chamado atenção, agora eu quero ler mais ainda <3

  • Aline Santos disse:

    Olá!!
    Ameeei a resenha! Parabéns!
    Já tva namorando esse livro á um tempinho, não tenho dúvidas que vou amar…Romances de época me prendem total atenção, a escrita, os personagens que enriquecem a história…perfeito!! Qro ler!
    Bjs!

  • Top Ten Tuesday: Dez Livros para Ler Primavera « Por Essas Páginas disse:

    […] Nove regras a ignorar antes de se apaixonar, Sarah MacLean – Porque romances de época são necessários. Leve e descontraído, esse romance talvez não fuja um pouco dos padrões, mas nem por isso é menos atraente. Resenha […]

  • Maristela G Rezende disse:

    Eu amo romances de época e estou louca para ler esse livro. Ainda não li nada da Sarah, mas acho que vou me apaixonar também. Só pela sinopse já fiquei apaixonada pela história. Saber que a personagem é forte e que quer mudar o rumo da sua vida me motiva mais a ler.

  • Resenha: Dez formas de fazer um coração se derreter « Por Essas Páginas disse:

    […] St. John é um membro da aristocracia e irmão gêmeo do marquês de Ralston, protagonista do primeiro livro da série. Ele está sendo alvo das mães alcoviteiras que querem vê-lo casado com suas filhas, […]

  • ELIZABETH DE SALLES NEWBOLD disse:

    Oi. Adorei o jeitinho que você comentou sobre os personagens. Estava bastante curiosa a respeito deste romance. E o que posso te dizer é que fiquei apaixonada pela sinopse e com o que descobri aqui na resenha. Espero ter a chance de ler este livro logo. Ansiosa por isso.
    Beijos.

  • Adriana C. Sousa disse:

    Sou fã de romances de época, gosto desse tipo de história em que tudo é proibido, por ser numa época onde tudo era diferente. Gosto da ousadia de Callie, querendo desafiar os costumes da época. Muito boa a resenha.

  • Kemmy Oliveira disse:

    Confesso que sempre tive “preconceito” com romance de época, em especial porque a mocinha sempre é submissa e tal. Então nem preciso falar que esse livro me encantou, né?
    Uma mulher independente e que não fica com qualquer um e que “arrisca sua reputação” é com certeza uma personagem de quem eu gosto. Beijos!

  • Rudynalva Correia Soares disse:

    Vou te contar… se tivesse o nome de Calpúrnia acho que daria um tiro na cabeça…kkkkk que nome horrível para uma protagonista de romance de época, vai-te…
    Tirando isso, acredito que a jornada dela e do Gabriel deve ter sido tortuosa, mas o final feliz deve ter chegado para eles e isso que vale.
    “Eu não procuro saber as respostas, procuro compreender as perguntas.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy

    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

  • Nicoli Vieira disse:

    Lucy, realmente o nome é meio incomum, para não usar palavra mais constrangedora kk porém, para uma mulher de época e ir contra tudo o que era errado naquele tempo, posso dizer que não apenas o nome é incomum mas ela também. Gostei muito da narrativa e não vejo a hora de ler o livro.

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem