Resenha: O que aconteceu com Annie

Ficha técnica:

Nome: O que aconteceu com Annie

Autor: C. J. Tudor

Tradutor: Flávia Rössler

Páginas: 288

Editora: Intrínseca

Quando Joe Thorne era adolescente, sua irmã mais nova desapareceu. Vinte e cinco anos depois, um e-mail anônimo o leva mais uma vez ao passado: “Eu sei o que aconteceu com sua irmã. Está acontecendo de novo.”
Atolado em dívidas e bem longe do vilarejo onde cresceu, Joe precisa escapar das pessoas perigosas que estão atrás dele, mas também vê a oportunidade de resolver o que arrasta consigo há mais de duas décadas. Retornar a Arnhill parece a única opção.
Mas voltar também significa abrir velhas feridas e reencontrar pessoas e lugares que ele nunca mais pensou que veria. Afinal, alguns segredos são grandes demais — e Joe não faz ideia de onde está se metendo.
Neste suspense de ares sobrenaturais, o leitor é carregado por reviravoltas sombrias que o deixam na expectativa até o fim. O que Aconteceu com Annie é uma viagem ao lugar mais escuro de um passado que precisa ser esquecido.

Terminei de ler esse livro nesse instante. E agora fica um tanto difícil falar dele, porque meio que estou digerindo ainda a história. Mas vamos lá.

Joe é um professor viciado em jogo que volta à sua cidade natal, Arnhill, para dar aulas. Só que por trás desse retorno ele queria descobrir quem mandou um misterioso e-mail sobre sua irmã, que morreu aos 8 anos, além de se manter longe de seus devedores perigosos.

A história começa então a se aprofundar em acontecimentos de 25 anos atrás a partir da perspectiva de Joe, mostrando também os acontecimentos presentes, principalmente o fato de a presença de Joe ser muito incômoda para alguns de seus antigos “amigos”. 

No início da trama, sabemos de um caso de assassinato e suicídio. Uma professora havia matado o filho e depois se suicidou. O garoto esteve desaparecido por algum tempo e, quando retornou, seu comportamento estava muito diferente. Aparentemente a mãe sofria de depressão e acabou fazendo uma loucura pouco tempo depois. Mas Joe sabe que a história não foi bem assim. Assim como aconteceu com Annie.

Desde o começo da leitura, eu suspeitei de que, o que quer que tivesse acontecido, tinha o envolvimento de um determinado grupo, e também entendi que o culpado por tudo não seria o suspeito mais óbvio, mas alguém muito próximo. De certo modo, acertei, mas não tinha atentado que teria um toque sobrenatural para temperar essa história.

Achei a leitura muito interessante, porém um pouco parada. Mas há aqueles momentos tensos, e até chocantes, em que você não quer largar o livro; talvez essa discrepância seja para equilibrar o clima de suspense e sobrenatural (fico imaginando uma adaptação cinematográfica em que a trilha sonora faria toda a diferença entre as cenas).

Quantos aos personagens, confesso que nenhum me cativou, mas a curiosidade em saber o que de fato aconteceu com Annie e o que isso tem a ver com acontecimentos recentes foi muito maior do que a rejeição que tive em relação a Joe. Vejam bem, Joe não é uma pessoa má, mas ele não cativa e não se deixa cativar, por assim dizer. Quando vocês lerem, talvez entendam o que quero dizer.

A edição em capa dura é muito bonita e dá pra ver o cuidado que a editora teve em relação à diagramação. 

No mais, é um bom suspense, digno de leitura. Recomendo.

Este livro foi gentilmente cedido para resenha pela Intrínseca.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Helana Ohara disse:

    Oie, o livro é bom.. Adoro um bom suspense e quando ele me prende melhor ainda..
    A unica coisa que não curti foi a capa, achei que poderia ser melhor, no demais a história é interessante, parece.. E o suspeito ser alguem proximo aguçou minha curiosidade

  • Grazi disse:

    Oie amore,

    Sendo bem sincera, pela capa desse livro não o leria.
    Não gosto muito desses suspenses, mas a questão sobrenatural me instiga, por isso talvez leria, mas num outro momento pra ser bem sincera.
    Beijokas da Grah!

  • Luiza Helena Vieira disse:

    Li uma outra resenha desse livro e fiquei super curiosa para saber o que aconteceu com Annie. Estou tentada a dar uma chance, mas ando me decepcionando muito com alguns suspenses que leio
    Beijos
    Balaio de Babados

  • Camila - Leitora Compulsiva disse:

    Li outro livro da autora e gostei bastante. Agora estou com esse livro aqui na estante e estou doida para fazer a leitura. Fiquei curiosa para saber o que foi que fez você precisar de um tempo para digerir a história! Rs…
    Amo livros assim e tenho certeza que vou adorar essa história!
    Beijos
    Camis

  • Aline Martins de Oliveira disse:

    Oi! Eu meio que estou com um pé atrás com esse livro, porque quando li o primeiro dela aqui, Homem de Giz, comecei encantada, mas depois me decepcionei tanto, que desanimei total quando vi esse novo livro vindo. A temática me agrada, e cai dentro do que eu gosto de ler, mas eu fico meio temerosa em não gostar.. Quem sabe no futuro..

    Bjoxx ~ Aline ~ http://www.stalker-literaria.com

  • Pollyanna Campos disse:

    Olá, tudo bom?
    Li esse livro recentemente e infelizmente minha experiência de leitura não foi tão legal quanto a sua =/ Por ter sido anunciado como um suspense sobrenatural eu confesso que esperei mais, no entanto, acabei me frustrando um pouco com a parte sobrenatural… achei bem fraca =/ Essa questão de não conseguirmos nos apegar aos personagens também foi algo que me incomodou, além de ter descoberto logo quem estava envolvido em relação a annie. Enfim! Fico feliz que o livro tenha funcionado melhor para você ♥
    Beijos!

  • Milena Soares disse:

    Olá! Doida pra ler esse livro, curto muito um suspense e essa sua resenha me deixou ainda mais curiosa em conferi essa história.
    Bjs

  • Douglas Fernandes disse:

    Esse é o tipo de livro que eu gosto e que me prende até o final, adoro um bom suspense e com uma pitada de sobrenatural então, me deixa com mais vontade de ler.

  • Tahis disse:

    Olá!
    Adoro livros de suspense e investigações, e esse ano estou a procura de novos autores e já quero conferir essa história. Se os personagens não me cativam, a leitura fica muito arrastada e sempre enrolo na leitura. Mas, quero desvendar esse mistério e espero gostar! A capa é linda e as edições em capa dura são um charme né?

    beijos!

  • Shadai disse:

    são lindas as edições da intrínseca para os 2 livros da autora, mas li alguém dizendo que a escrita é bem ruim, e isso me desanimou.
    agora, na sua resenha diz ter sobrenatural, e eu prefiro quando não tem esse toque fantasioso.
    todavia, leria, sem ser prioridade.

  • Samanta Samy disse:

    Essa é a segunda resenha que leio sobre esse livro, estou ansiosa para ler, mas confesso que ainda não li o anterior.
    A edição está belíssima!
    Espero ler em breve, pois trata-se do meu estilo de leitura preferido.
    Abraços!

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem