Resenha: Sem clima para o amor

Sem clima para o amor“Neste Sem clima para o amor, Clare Wingate, uma jovem e atraente escritora sofre por ter sido traída pelo noivo (com o técnico da máquina de lavar roupa!) e o que mais queria era ficar em casa curtindo sua tristeza. No entanto, durante o casamento de sua melhor amiga, reencontra Sebastian, uma paixão de infância, que se tornou um jornalista famoso e sexy. Ele a quer para si de qualquer forma, mas Clare só quer curtir a sua dor. Começa aqui uma história divertida e cheia de surpresas, que conquistou milhões de leitores em vários países e levou o livro para o topo da lista dos mais vendidos”.

Eu já tinha lido várias pessoas comentarem sobre Rachel Gibson. Um fato que me deixou muito curiosa foi que na maioria das vezes, ou as pessoas amavam a autora ou odiava. Era raro encontrar um meio termo… Por causa disso, resolvi solicitar Sem clima para o amor através da parceria com a Geração Editorial. E eu tenho uma teoria que talvez explique isso, como vocês perceberão no final da resenha.

Antes de começar a falar sobre o enredo, eu tenho que fazer uma observação importante. Eu recebi a segunda edição (que foi lançada em fevereiro de 2014) e a tradução foi revista. Eu sei que várias pessoas reclamavam dos erros e da nota do tradutor da edição anterior. A minha cópia não possui notas e não notei erros (pelo menos nada que atrapalhasse a leitura).

Sem clima para o amor tem como protagonista Clare Wingate, com quase trinta e cinco anos, que acabou de sofrer uma grande decepção amorosa. Ela voltou para casa mais cedo no dia do casamento da sua amiga Lucy e pegou em flagrante o noivo tendo relações sexuais com o técnico da máquina de lavar roupa. Mesmo chocada e triste, ela vai para o casamento. Lá ela bebe todas e acorda no dia seguinte no quarto com Sebastian Vaughan (e ela não se lembrava de nada do que havia acontecido). Eles haviam sido amigos quando crianças e fazia mais de vinte anos que não se encontravam. Um clima começa a rolar entre eles, mas Clare quer dar um tempo e não quer se envolver com ninguém…

O livro é narrado em terceira pessoa, mas pelo ponto da vista da Clare e do Sebastian. Com isso o leitor se aproxima bastante dos personagens e conhece um pouco dos seus dramas pessoais. Isso foi muito interessante: os dois tinham outros problemas sem ser os relacionamentos amorosos. Os personagens coadjuvantes também são bem interessantes, como as amigas de Clare e o pai de Sebastian. Clare tem três amigas e cada uma delas é a protagonista de um livro da série. Aliás, eu só descobri depois de ter lido que esse livro faz parte de uma série. E ele nem é o primeiro: é o segundo! Eu não tive problema nenhum durante a leitura, então ele pode ser lido fora da ordem… Mas eu acho que deveria ter algo na capa ou no livro indicando isso.

A narrativa é bem envolvente e o livro vai ficando mais interessante conforme vai chegando ao clímax. Mas então tudo acontece muito rapidamente e tem uma cena no final que ficou um pouco fora do personagem. A autora deveria ter colocado um maior desenvolvimento (ou até mesmo uma passagem de tempo) para que a cena ficasse mais real.

Sem clima para o amor também possui várias cenas engraçadas e leves como vários outros chick-lits. Mas, além disso, ele tem várias cenas quentes, que bom, não são proibidas para essa classificação. Mas o que me incomodou foi um ar meio vulgar em algumas delas. Não que tivessem palavras tão pesadas (já li livros com piores), mas… Não sei. Eu não esperava isso porque não combinou com o tom do resto do livro. Eu não li as outras obras da autora, então não posso julgar completamente, mas talvez o problema com a Rachel Gibson é que as expectativas durante a leitura são outras e assim o livro chega ao público alvo que não é o dele. Assim como devemos ter cuidado quando comparamos um autor com o outro, também devemos ter quando classificamos um livro.

Eu julguei interessante levantar esse tema porque a própria Clare é autora de romances históricos (ou os também conhecidos “romances de banca”). A mãe dela não aprova a carreira da filha e só fala sobre isso se for realmente necessário. Inclusive ela não colocou nenhum dos livros da filha na biblioteca, alegando que eles não são de “capa dura”. É muito interessante como ela trabalha esse preconceito. Na minha opinião, toda leitura é válida, e eu já li vários livros desse estilo  que eu gostei. A minha única ressalva é que eu gosto de saber o que eu estou lendo e às vezes as linhas que separam as diversas classificações são bem tênues.

Enfim, se você quer um romance engraçado e com cenas bem quentes, Sem clima para o amor é altamente indicado. Mas não espere pensar muito sobre ele depois de terminado…

Esse livro foi gentilmente cedido para leitura e resenha pela Geração Editorial!

 

Ficha Técnica

Título: Sem clima para o amor
Autor: Rachel Gibson
Editora: Jardim dos livros
Páginas: 280
Onde comprar: Livraria Cultura / Amazon
Avaliação: 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Marília Sena disse:

    Eu nunca tinha ouvido falar do livro ou da autora. Mas parece ser um romance bem leve e divertido, apesar das tais palavras… hahaha.

  • Julliany disse:

    Ai eu odeio quando isso acontece kkk você ler um livro e depois descobre que é de uma série e não é o primeiro kk péssimo. To muito afim de ler esse livro, adorei o enredo, e como não prejudica não ler o primeiro antes, acho que começarei com esse, e se eu gostar muito eu pego o primeiro para ler *–* não é um enredo exatamente original né, mas como eu não conheço essa autora (e para falar a verdade descobri ela agora), vou dar uma chance, mas sem criar grandes expectativas.

  • Nayara disse:

    Não sou muito chegada nessas histórias, ainda mais se tiver um ar mais vulgar.
    Detesto também quando não indica nada no livro que faz parte de uma série e qual o ‘número’ do livro. Acabamos ficando perdida. hahaha
    Beijos.

  • Simonir Rodrigues disse:

    Adorooo os livros dela, vale a pena os outros dois publicados pela mesma editora!

  • Jaynne Souza disse:

    Não li nenhum livro dela ainda, e confesso que não leio muitos chick-lits ate por que não é meu gênero preferido :s
    Já tive vontade de ler , mas não tenho opinião formada sobre ele.

  • Dâmaris Carvalho Lima disse:

    A resenha está boa, no entanto o livro não me chama atenção, não sou uma grande fã de livros de romance

  • camila rosa disse:

    Oi, eu li somente um livro da autora e gostei muito, quando vi esse livro com lançamento fiquei hiper mega curiosa para ler ele, mas pelo visto ele não é tudo o que eu esperava que fosse, mas mesmo assim quero ler, pois o livro me parece ser muito divertido.
    Beijos!!!

  • Caroline Evans disse:

    Li há pouco tempo um livro da autora e me encantei, realmente não são livros que você irá ficar pensando, mas durante a leitura é leve e cativante, estou querendo ler esse também.

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem