Resenha: Uma Duquesa Qualquer

Esse é um livro que entra na lista do “li tem um tempo e não resenhei antes não sei porquê”. Inclusive, uma das minhas metas desse ano é não deixar de postar as resenhas de livros recém-lidos (e já estou em falta com pelo menos dois rs). Por enquanto, deixa eu tirar o atraso desse aqui.

Uma Duquesa QualquerO que fazer com um duque relutante em se casar? A Duquesa de Halford – e mãe de Griffin, o duque libertino, irresponsável, que deseja apenas os prazeres da vida – tem o plano perfeito. Na verdade, ela conhece o lugar perfeito… Spindle Cove.
No paraíso das jovens solteiras, a duquesa insiste para que o filho escolha uma dama. Qualquer uma. E ela a transformará na melhor duquesa de Londres. Griff, então, decide achar alguém que acabará com os planos e com a ideia maluca de forçá-lo a se casar… Ele escolhe a atendente da taverna Touro & Flor, Pauline Simms – que nunca sonhou com duques ou com casamento, mas sim com o dinheiro que possibilitaria uma mudança completa em sua vida e na vida da pobre irmã, Daniela.
O duque e a Srta. Simms estabelecem um acordo: a mãe de Griff tem uma semana para transformar a criada em uma duquesa perfeita, então Pauline deverá ser um desastre durante sete dias e, se tudo der certo (ou melhor, se tudo der completamente errado), receberá mil libras e poderá realizar o sonho de construir a própria biblioteca em Spindle Cove.
Em pouco tempo, porém, o duque é surpreendido ao conhecer Pauline e descobrir que a moça é muito mais do que uma simples atendente, e a atração entre os dois é inevitável. Mas em um mundo em que as classes sociais são o que realmente importa, vence a ambição ou o coração?
“Amor era um buraco nefasto que se abria na terra, ficando maior a cada instante.
A menos que ela tomasse muito cuidado, com certeza cairia dentro dele.”
Fonte

Gente, que sinopse enorme! Mas não vamos desanimar!

De toda a série Spindle Cove, acho que esse é meu favorito. Seria o segundo, mas depois de conhecer Griffin e Pauline, não tem jeito. Eu sei que estou me adiantando nas impressões, mas não dá pra resistir (além do mais, com a sinopse enorme, fica pouca coisa para falar do que vai rolar). Mas enfim, vamos aos fatos.

Spindle Cove é uma cidade que se tornou famosa por abrigar jovens damas que vão para lá procurar algum refúgio ou descanso. Em sua maioria, jovens solteiras. Ao escolher Pauline como “cobaia” para que a mãe consiga transformá-la em duquesa, Griffin queria apenas chocar a mãe – e, de quebra, “assustar” qualquer pretendente. Claro que ele ficou bem surpreso não apenas quando sua mãe aceitou, mas quando Pauline aceitou a proposta! Bem, aceitou foi um modo de dizer, porque Pauline tinha um motivo muito bom para não sair de Spindle Cove e Griffin teve que persuadí-la a acompanhá-los, prometendo as mil libras em troca de ser um fracasso como duquesa. E, assim, Pauline acaba aceitando.

A única questão é que nem Griff nem Pauline conseguiram prever que se apaixonariam em uma semana de convivência. Pauline consegue conquistar aos poucos todos da família e passamos a descobrir também facetas de outros personagens. A própria duquesa mãe não é uma mulher tão durona assim, ela tem seus métodos não tão ortodoxos, mas quer apenas ver o filho feliz – e adoraria ter netos. Griff carrega um segredo em seu coração e por isso decidiu se tornar um homem recluso, diferente do libertino que era, mas, aos poucos, Pauline consegue descobrir o que causou tal mudança. Ao mesmo tempo, Griff se encantava cada vez mais por Pauline, conhecendo a moça de personalidade forte e fibra que ela é.

A escrita da autora continua fluida e a história varia entre momentos tensos e divertidos e, claro que não poderia faltar, sensuais. O casal tem uma química muito boa e quando você menos espera, já está quase no final do livro.

Mesmo se não conhece os outros livros da série, acho válida essa leitura. Há referências aos livros anteriores, mas este com certeza foi o melhor da série. Recomendo para todos que curtem romances de época.

Ficha Técnica:

Nome: Uma duquesa qualquer
Autor: Tessa Dare
Páginas: 272
Editora: Gutenberg
Onde comprar: Amazon
Minha avaliação:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  


  • Beatriz Andrade disse:

    Eu amo romances de época e sou louca para ler os livros da Tessa, vejo muitos elogios para essa série e adorei ler a tua resenha desse volume.

  • Fernanda Santos Barroso disse:

    Olá!

    Ah, que amor! Eu amo romances de época e não consigo negar um clichê que envolve alguém que não quer compromisso se amarrando logo. haha Amei a resenha e já quero ler o livro! Adorei a dica!

    Abraços

  • Mari disse:

    Também gostei bastante desse livro, apesar de achar o segundo da série melhor. Eu costumo gostar bastante dos livros da Tessa Dare e essa série dela é uma das minhas preferidas.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

  • Clayci Oliveira disse:

    Outra série que tenho vontade de ler, mas sempre acabo adiando. Acho as capas dessa série lindas… Anotei a sua dica, pois espero dar uma chance para o primeiro livro em breve.

    Beijos

  • Alice disse:

    Oiieee

    Apesar de não ler muito livros históricos, essa série da Tesa é uma das que tnho anotadas pra conferir esse ano pois me chama bastante a atenção, além do que a escrita da autora parece ser batante fluída, vamos ver quando vai surgir um tempinho e animo pra começar…

    Beijos

    http://www.derepentenoultimolivro.com

  • Nanna disse:

    Engraçado como as vezes ficam uns livros sem resenhar né Hahaha
    Adorei sua resenha, embora o livro não seja lá muito eu estilo

  • Ritchelly Galani disse:

    Ainda continuo lendo tanta coisa fofa do gênero romance de época.. que estou quase mudando a ordem dos livros para ler hahaha Esse livro parece ser bem divertido, já gostei dos personagens e o enredo parece bem gostoso de ler. Amei a dica!

    beijos,
    Conta-se um Livro

  • Dayhara Ribeiro Martins disse:

    Eu sou assim também, relaxe haha tô sempre atrasada com as resenhas, a coisa é não deixar se perder, se não… Eu não conhecia essa autora mas só a capa me conquistou já, saber que é seu preferido já me animou, me parece ser tão curtinho!

  • Cidália disse:

    Até curto romances de época, mas não consigo acompanhar séries a não ser pela TV. Prefiro ler uma história em que eu possa saber logo o desfecho. Mas que legal que esse foi seu livro favorito!!

    Bjs

  • Cabine de Leitura disse:

    Nunca leio sinopse, por revelar muito sobre o enredo, imagine uma deste tamanho rsrs. Gosto cada vez mais de romance de época, sempre vemos essas protagonistas fortes e a frente do seu tempo, como vemos Pauline. Ainda não li nada da autora, mas gostei do que você apresentou, então é alguém que preciso “conhecer”.

    Abraços.

  • Estante da Kah disse:

    Olá, tudo bem?
    Eu não consigo gostar de romances de época. Já tentei ler e não desce, sabe?!
    Um dia estarei determinada o suficiente para dar uma chance, assim espero. haha
    Beijos

  • Maria Luíza Lelis disse:

    Olá, tudo bem?
    O único livro que li da autora foi Romance com o duque, mas, apesar de ter gostado, não me encantei tanto pela escrita dela. No entanto, essa sinopse ganhou meu coração e me deixou com vontade de tentar essa outra série dela.
    Adorei sua resenha e, mesmo sem ter lido o livro, também já gostei dos personagens. Dica anotada e espero ler essa série em breve.
    Beijos!

  • Sofia disse:

    Oi, tudo bem?
    Amo Tessa, acho os livros dela super leve e divertidos. Este ainda não li, mas está na minha lista e pretendo ler em breve. Pela sua resenha tenho certeza que também vou amar, mas sou suspeita para falar, já que é meu gênero favorito de leitura!

  • Camila de Moraes disse:

    Olá!
    Sou suspeita pra falar, pois amo essa série e principalmente a escrita da Tessa. O grande diferencial são as mocinhas nada perfeitas de Spindle Cove. Se tem uma série de romance de época que indico essa é uma delas sem dúvidas.
    Beijos!

  • Nilda de Souza disse:

    Eu tenho vários livros lidos e não resenhados. Também prometi que esse ano não aconteceria mais isso. Mas já estou com um lido há duas semanas.
    Sobre o livro: a história parece ser divertida. Adoraria saber o motivo que levou a mocinha aceitar a proposta.

    Beijos

  • Thalia Mirelly disse:

    Olá!Tudo bem?
    Lá vem os romances de época me perseguindo outra vez!Cara,eu preciso ler pelo menos um,um dia vai!
    Já li algumas resenhas desse livro e sempre fico mais apaixonada por essa série,gosto de quando os personagens estão por obrigação e depois surge o amor.
    Adorei conhecer seu ponto de vista do livro.
    Beijos

  • Jennifer Silva disse:

    Awn parece ser um livro adorável e os personagens parecem ser bem divertidos. Parece conter um enredo bem viciante e estou curiosa para ler o desenrolar desse romance e como a Pauline irá se comportar perto da mãe do Griff haha. Dica anotada, bjss!

  • Bruna Costabeber disse:

    Oie!
    Eu amo romance de época e sempre leio elogios para as obras dessa autora, mas ainda não li nada dela, você acredita? Fiquei muito contente por você ter curtido essa leitura e por indicá-la, também gostei de conhecer Pauline, que parece ser uma personagem encantadora. O casal pareceu convencer os leitores e vou anotar a dica desse livro.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

  • Fábrica dos convites disse:

    Gosto muito desta série, mas este livro não li ainda. Já adorei Pauline e não vejo a hora de conhecer melhor sua história.
    Bjs Rose

  • Tahis Aguiar disse:

    Olá!
    Tenho muita vontade de ler essa série, ando em falta com os romances de época, mas fico louca quando leio resenhas de alguns que estão na minha lista de desejados. Fiquei animada para voltar a ler o gênero, adoro personagens como a Pauline. Curiosa!

    beijos!

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem