Posts com a tag ‘aventura’


Resenha: O Falso Príncipe

Esse foi o primeiro livro que comprei no ano de 2013. Mas eu tenho uma mania muito chata de colocar na pilha de leituras por ter outras prioridades, então acabei adiando a leitura dele por tempo indeterminado. Como não queria deixar de adquirir logo a continuação que será lançada em breve, resolvi lê-lo.

Eu devia ter lido esse livro antes, isso sim.

O_FALSO_PRINCIPESinopse: Em uma terra muito distante, a guerra civil é iminente. Para unificar o reino, um nobre chamado Conner trama um plano ousado, procurando por um garoto que se passe pelo filho desaparecido do rei e assuma o trono. Quatro órfãos são forçados a competir pelo papel, entre eles o rebelde e esperto Sage. O garoto sabe que os motivos de Conner são mais do que questionáveis e que sua vida está por um fio – se ele não for escolhido como príncipe na farsa, será morto. Seus rivais tem suas próprias táticas para vencer, e Sage não pode confiar em ninguém. Depois que Sage se muda do orfanato miserável onde vivia para o suntuoso palácio de Conner, os planos de seu novo mestre vão ficando mais e mais claros, até que finalmente a terrível verdade é revelada, provando-se muito mais perigosa do que qualquer mentira na qual ele já acreditou.  Fonte

Minha escolha era bem clara: ou eu me transformava no príncipe, ou ele me mataria.




Outras páginas: Turma da Mônica – Laços

Eu sou completamente fascinada pela Turma da Mônica. Recentemente escrevi um post gigante sobre a Mônica, minha queridinha do mês, da vida. Portanto, já era de se esperar que, quando eu visse no Twitter do Maurício a nova Graphic MSP (uma série de graphic novels) da turminha, meu primeiro impulso fosse correr para a banca mais próxima. Tive que esperar até 20 de junho, o lançamento da revista. Porém, assim que comprei meu exemplar, eu o li como se o amanhã não existisse e venho aqui dizer que cada página, cada quadrinho dessa nova visão da turminha, diverte e emociona.

“O Floquinho desapareceu. Para encontrar seu cachorro de estimação, Cebolinha conta com os amigos Cascão, Mônica e Magali e, claro, um plano “infalível”. Em Laços, os irmãos Vitor e Lu Cafaggi levam os clássicos personagens de Mauricio de Sousa a uma aventura repleta de emoção, lembrança e perigos.” Fonte

A primeira coisa que salta aos nossos olhos é a qualidade da edição; ela é grande e brilhosa, com um papel grosso e de qualidade, também brilhante, nas páginas interiores. A imagem da capa é incrível, mostrando Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali na nova visão desses artistas incríveis, em uma situação de perigo, em cores escuras. Isso já denuncia como será o tom da historinha que, apesar disso, não perde o bom humor e as características das histórias originais da Turma da Mônica.

Alguém aí quer um suco de tamarindo?




Resenha: Max e os Felinos

Recentemente eu fiz a resenha de As aventuras de Pi e mencionei um post do blog Cia das Letras sobre a questão do plágio do livro Max e os felinos. Alguns comentários também começaram a alimentar a minha curiosidade em conhecer a origem da inspiração de Pi e as semelhanças entre as duas histórias. Eis que, na minha ansiedade (e por ter um motivo a mais para comprar livros – percebam o plural), não resisti e adquiri o livro Max e os felinos e agora quero resenhá-lo para vocês.

max e os felinosSinopse: O alemão Max, um garoto sensível, cresceu sob a severidade de seu pai que sempre lhe incutiu medos e inseguranças. Envolve-se, mais tarde com Frida, esposa de um militar Nazista, o que faz que tenha que abandonar o país. Em meio a viagem de barco, é obrigado, graças a um naufrágio, a dividir o pequeno espaço de um barco com um imenso Jaguar, um felino que sempre lhe aterrorizou. 
O livro tornou-se conhecido após o autor, Moacyr Scliar, comentar em um jornal que o Best Seller A vida de Pi seria parcialmente um plágio de seu livro Max e os Felinos. 
Moacyr Scliar conquistou, pela qualidade de seu trabalho, um lugar de destaque na moderna literatura brasileira. Ficcionista de amplos recursos, autor consagrado, seus livros têm sido traduzidos para vários idiomas. Fonte

Envolvido com os felinos Max sempre esteve, de um modo ou de outro




Resenha + Promoção: As aventuras de Pi

Recebi o livro As aventuras de Pi no final de janeiro e não demorou muito para que eu o lesse (infelizmente demorei para resenhar). Por sorte também consegui assistir à adaptação do cinema (que não me decepcionou), embora tenha assistido antes de ler o livro (quando prefiro o contrário).

AS_AVENTURAS_DE_PISinopse: Um dos romances mais importantes do século, As aventuras de Pi é uma narrativa singular de Yann Martel que se tornou um grande best-seller. O livro narra a trajetória do jovem Pi Patel, um garoto cuja vida é revirada quando seu pai, dono de um zoológico na Índia, decide embarcar em um navio rumo ao Canadá. Durante a viagem, um trágico naufrágio deixa o menino à deriva em um bote, na companhia insólita de um tigre-de-bengala, um orangotango, uma zebra e uma hiena. A luta de Pi pela sobrevivência ao lado de animais perigosos e sobre um imenso oceano é de uma força poucas vezes vista na literatura mundial. Fonte

 

 

A história é contada em dois pontos de vista. Um deles, em itálico, é o “autor” do livro (que inclusive agradece ao Moacyr Scliar pela “centelha de vida” da obra, mais detalhes no final). Meio que a narrativa de Yann Martel se mistura à do autor fictício, que está com um bloqueio quanto à criação de uma nova história. Quando ele viaja para a Índia, encontra um homem que o convence a voltar para Toronto e se encontrar com Pi Patel, que passa a narrar a história em primeira pessoa.

Conheço uma história que vai fazer você acreditar em Deus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 7 de 7« Primeira...34567