Posts com a tag ‘Chick-Lit’


Resenha: Quando Saturno Voltar

A Globo Livros disponibilizou esse livro para o blog e eu logo me interessei em ler. Apesar de ser leiga em questão de Astrologia, influência dos astros, eu sou super curiosa com essas coisas e vi de cara que ia gostar dessa história. Depois que recebi o kit mega fofo, ainda tive que adiar um pouco a leitura, mas assim que tive um tempinho, corri para ler! E não me arrependi!

QUANDO_SATURNO_VOLTARQuando Saturno Voltar – Conta história envolvente e divertida sobre aceitar mudanças inesperadas e seguir em busca da felicidade. Em seu novo romance, Laura Conrado conta a história de Déborah Zolini, uma jornalista sonhadora e fã de Pablo Neruda que trabalha como assessora de imprensa de um clube de futebol da segunda divisão e namora o médico Sérgio há quatro anos. Ela faz planos de construir uma vida a dois, arrumar um emprego melhor e correr atrás de desejos que ainda não realizou. Só que a vida, ou as estrelas, guardam surpresas para Déborah. Em uma viagem ao Chile, ela encontra uma mulher misteriosa que lhe fala sobre o retorno de Saturno. O planeta, que leva, em média, 29 anos para dar uma volta no sistema solar, voltará à posição em que se encontrava quando a jornalista nasceu. Para quem acredita em astrologia, esse é momento em que as pessoas passam por várias mudanças, que vão prepará-las para encarar o resto de sua vida. Déborah não leva a moça muito a sério, mas pede às estrelas que a ajudem a realizar seus desejos. No entanto, no voo de volta ao Brasil, um encontro inesperado começa a abalar a vida aparentemente certinha da protagonista. Aos poucos, Déborah começa a notar que seu namoro anda meio morno, a falta de reconhecimento no trabalho a incomoda. Ela começa a admitir que não está gostando do rumo que as coisas estão tomando. Será a hora de partir para novos desafios? Trocar aquele relacionamento confortável pelo frio na barriga? Sair de vez da zona de conforto e ver o que acontece? Fonte

E aos 29, com o retorno de Saturno, decidi começar a viver…




Resenha: Uma curva no tempo

Uma curva no tempoA noite do acidente mudou tudo… Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim… Ou funciona?

A noite do acidente foi uma grande sorte… Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?

Quando eu li a sinopse e reparei na capa de Uma Curva no Tempo, eu cheguei logo a conclusão de que esse livro faz parte do grupo daqueles que eu amo ler. O enredo tinha um potencial incrível e, quando fui ler resenhas dele no Goodreads, a maioria delas era bastante positiva. Depois de ter terminado o livro, fui no Skoob e lá a maior parte das resenhas eram positivas também. Me sinto completamente a “ovelha negra” fazendo essa resenha, mas Uma Curva no Tempo me decepcionou bastante.

Antes de irem para a faculdade, Rachel Wiltshire e seus amigos fizeram um jantar de despedida. Todos eles estavam comemorando essa nova etapa até quando um carro desgovernado foi em direção ao local onde eles estavam sentados. Todos conseguem se afastar – menos Rachel, que demora e fica presa sem conseguir sair. Jimmy, seu melhor amigo, volta e consegue salvá-la – mas ele acaba sofrendo o impacto completo da batida e, infelizmente, não consegue sobreviver. Cinco anos mais tarde, Rachel ainda convive com o sentimento de culpa e uma enorme cicatriz no seu rosto que sempre a relembra sobre o acidente. Porém ela vai ter que ser forte já que terá que voltar para a sua cidade para prestigiar o casamento de Sarah, a sua melhor amiga. Durante a sua visita, ela vai ao cemitério onde o seu melhor amigo está enterrado – e devido a sua dor de cabeça recorrente, acaba desmaiando. Quando ela acorda no hospital, ela se depara com uma realidade completamente diferente: seu pai não está mais com câncer, Matt (seu antigo ex-namorado) é o seu noivo, e o mais impactante de tudo: Jimmy está vivo…

Continue lendo…




Resenha: No Mundo da Luna

Adivinhem quem não se aguentou e comprou um livro logo no lançamento? Pois é, eu comprei, eu li e só agora posto a resenha porque sou dessas mais relapsas. rs

NO_MUNDO_DA_LUNAA vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome.
Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção?
Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito — não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor.
Com seu estilo ágil e fluido, Carina Rissi criou em No mundo da Luna uma leitura viciante, permeada de humor, magia e paixão, que vai conquistar você do início ao fim. Fonte

Continue lendo…




Resenha: Mini Becky Bloom – tal mãe, tal filha

MINI_BECKY_BLOOMSinopse: Becky Bloom está casada com o homem de seus sonhos, Luke, e tem uma filha de dois anos, Minnie, que parece seguir desde já o gosto da mãe por compras e pela moda.
Mas criar a filha é muito mais complicado do que parecia ser, pois a garotinha cria confusões por onde passa. E quando Becky decide dar uma festa surpresa para Luke, não será uma tarefa fácil manter os preparativos em segredo do marido.

Essa resenha pode conter spoilers dos livros anteriores, mas nada que prejudique sua leitura. Leia e relaxe.

Continue lendo…




Resenha: O homem perfeito

O homem perfeitoMelina teve alguns relacionamentos ruins, outros péssimos…
Mesmo assim, ela não desiste: um dia ainda vai encontrar alguém que a complete e que entenda algumas manias fofas que ela tem como comprar mais sapatos do que pode guardar ou tomar uma multa ou outra por excesso de velocidade. Ela faz a sua parte escrevendo um pedido ao universo, no qual descreve esse ser incrível nos mínimos detalhes. Agora é só esperar, certo?
Melina não imagina, porém, que esse presente dos céus já existe, mas foi parar nos braços de uma mulher in-su-por-tá-vel.
O que fazer quando o destino insiste em brincar com a sua paciência?

A Karen já fez resenhas sobre alguns livros da autora brasileira Vanessa Bosso. Quando O homem perfeito saiu pela Novo Conceito, eu me interessei pelo livro e a Karen totalmente concordou que era uma boa ideia. Nós aqui do PEP sempre acreditamos que certos livros são direcionados para um público alvo específico. É por isso que, em alguns casos, algumas pessoas amam um livro enquanto outras não.

O homem perfeito conta a história de Melina, que com quase 30 anos, está mais uma vez sozinha. Para piorar a sua situação ela perdeu o emprego, está sem dinheiro e sem casa. Melina acaba voltando para Paraty, a sua cidade natal, com caixas e mais caixas de sapato (para que ela precisa de tantos pares é uma pergunta que eu me faço até agora). Lá ela descobre que Samantha, sua inimiga de infância, está noiva daquele que foi o grande amor de sua vida: Bernardo.

Continue lendo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...