Posts com a tag ‘Contos’


Resenha: Escuridão total sem estrelas

Entre um livro e outro, resolvi pegar essa coletânea de contos de Stephen King para ler. Contos já são um ótimo passatempo entre outras leituras, contos em formato digital então (no meu caso, no celular, ou seja, leio praticamente em qualquer lugar), melhor ainda! E ainda por cima King, ou seja, não tem erro! E não teve mesmo. Apesar de não ser minha coletânea preferida dele, Escuridão total sem estrelas é uma ótima leitura. Nesses quatro contos que flertam entre o terror e o drama, King mostra que o horror, na verdade, está muito próximo mais próximo do que a gente imagina: dentro de nós, na vida real, e não na ficção.

EscuridãoTotal“Na ausência da luz, o mundo assume formas sombrias, distorcidas, tenebrosas. Em Escuridão total sem estrelas os crimes parecem inevitáveis; as punições, insuportáveis; as cumplicidades, misteriosas.

Em 1922, o agricultor Wilfred e o filho, Hank, precisam decidir do que é mais fácil abrir mão: das terras da família ou da esposa e mãe. No conto Gigante do volante, após ser estuprada por um estranho e deixada à beira da morte, Tess, uma autora de livros de mistério, elabora uma vingança que vai deixá-la cara a cara com um lado desconhecido de si mesma. Já em Extensão justa, Dave Streeter tem um câncer terminal e faz um pacto com um estranho vendedor. Mas será que para salvar a própria vida vale a pena destruir a de outra pessoa? E, em Um bom casamento, uma caixa na garagem pode dizer mais a Darcy Anderson sobre seu marido do que os vinte anos que eles passaram juntos.

Os personagens dos quatro contos de Stephen King passam por momentos de escuridão total, quando não existe nada — bom senso, piedade, justiça ou estrelas — para guiá-los. Suas histórias representam o modo como lidamos com o mundo e como o mundo lida conosco. São narrativas fortes e, cada uma a seu modo, profundamente chocantes.” Fonte

Não era uma viagem, não exatamente. Estava só voltando para casa.




Resenha: Coroa Cruel

COROA_CRUELDuas mulheres — uma vermelha e uma prateada — contam sua história e revelam seus segredos.
Em Canção da Rainha, você terá acesso ao diário da nobre prateada Coriane Jacos, que se torna a primeira esposa do rei Tiberias VI e dá à luz o príncipe herdeiro, Cal — tudo isso enquanto luta para sobreviver em meio às intrigas da corte.
Já em Cicatrizes de Aço, você terá uma visão de dentro da Guarda Escarlate a partir da perspectiva de Diana Farley, uma das líderes da rebelião vermelha, que tenta expandir o movimento para Norta — e acaba encontrando Mare Barrow pelo caminho.
Esta edição traz, ainda, um mapa de Norta e um trecho exclusivo de ‘Espada de Vidro, o aguardado segundo volume da série A Rainha Vermelha. Fonte

Continue lendo…




A Cuca Recomenda: Contos do Dragão #4

A Cuca voltou com mais algumas recomendações de contos da Editora Draco, perfeitos para quem quer uma leitura rápida e barata (e tem um gratuito)! Dessa vez temos fantasia histórica, horror e fantasia urbana nas recomendações. #FicaDica

somConto da série Tempos de Sangue de Eduardo Kasse, autor brasileiro que vem despontando pelo trabalho de ficção histórica misturada ao mito dos vampiros.

Dessa vez a história se passa na Grécia Antiga. O que você daria para ser imortal? Diodoros, o ateniense, sempre foi cobiçado por homens e mulheres durante a sua curta vida mortal. E quando alcançou a eternidade passou a ser venerado como um deus. Um deus das trevas.” Fonte

Continue lendo…




A Cuca Recomenda: Contos da Amazon #4

Mais um post na série Contos da Amazon. Dessa vez trago para vocês 3 e-books, todos de contos, um com mais de uma história. Mesmo assim, ainda são leituras rápidas, ideais para se fazer rapidinho, na fila, na sala de espera, mesmo que você não tenha e-reader: eu, por exemplo, adoro ler no celular, afinal, a gente está sempre com ele, não? É como andar com um monte de histórias no bolso todos os dias. Preparem-se para as dicas:

biscoito“Um rapaz inocente resolve presentear sua paixão platônica com um perfume de girassóis. Porém, por causa de um pequeno erro fatal, o que tinha tudo para ser uma fofa história de amor pode acabar desandando nas mãos do destino.”

Esse foi o segundo conto que li da autora Priscilla Matsumoto e ele me impressionou tanto quanto o primeiro. Ela faz parte daquela categoria de escritores, a exemplo de Eric Novello, que nasceram para isso – escrever. E faz isso brincando, sem a menor pretensão.

Biscoito, Girassol e Peixe é belo e terrível. Uma linguagem quase lírica, mas que não cansa, não intimida – e uma história romântica, porém trágica. Você termina o conto com um gosto amargo na boca, mas satisfeito por ler algo tão bem escrito.

Continue lendo…




A Cuca Recomenda: Neon Azul

Há escritores que são assim: você lê uma única linha deles e sabe que aquele é um autor excepcional. Em Sobre a Escrita, Stephen King diz que existem três tipos de escritores: os fracos, os competentes (que você pode se tornar se trabalhar duro) e os talentosos, poucos, que já nasceram assim, com o dom. Eric Novello é do terceiro tipo de escritor, e basta um parágrafo para perceber isso. Quando você termina um livro todo dele, você tem certeza.

capa_neon“Neon Azul é uma boate onde habitam os seus mais sombrios desejos e tentações. É um lugar diferente, repleto de acontecimentos estranhos, mas que poderia estar na esquina da sua casa ou no caminho entre o trabalho e o metrô. Enquanto acompanha a história do bar e de funcionários e clientes peculiares, descubra que realizar seus desejos pode ter efeitos colaterais imprevisíveis.

Homens de negócio, prostitutas, artistas e boêmios imersos em uma solidão que só quem passeia pela noite já experimentou, um sentimento comum aos que vivem cercados de gente, com um sorriso no rosto e um copo na mão.

Nesse jogo de luzes e sombras que revelam a fantasia e encobrem a realidade, está nas mãos do leitor a decisão de acreditar ou não no que lê e decidir quem conta as verdades e as mentiras ao longo da história.

Assim como o insone gerente do bar, o leitor terá muito o que lembrar quando deitar na cama e fechar os olhos por própria conta e risco.” Fonte

Aqui você pode querer nascer ou morrer, mudar de casca sem precisar de novas encarnações.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 2 de 812345...Última »