Posts com a tag ‘Contos’


A Cuca Recomenda: Todo dia é dois de novembro

“Brasil. Dias atuais. Um vírus de origem desconhecida se alastrou, fugindo do controle das autoridades. Aqueles que antes estavam mortos agora caminham sobre a terra. Aqueles que ainda estão vivos lutam para não serem devorados e se metamorfosearem em monstros. Dois contos, duas histórias; não sobre mortos-vivos, mas sobre sobrevivência. O que você faria se todo o dia fosse o dia dos mortos?” Fonte

Todo dia é dois de novembro foi o último livro que li na Maratona Brasuca. Ele me atraiu primeiro pela capa, que achei muito bem feita, visto que é um livro independente, segundo por serem zumbis (eu nem gosto desses caras né?) e terceiro porque um dos autores é o Samuel Cardeal (citei-o nesse Top Ten Tuesday), e eu já estava há um tempinho querendo ler algo dele. Mas e aí, será que A Cuca Recomenda?

Todo dia é dia dos mortos.




A Cuca Recomenda: Glória

“Ambicioso assassino encontra um desafio nunca previsto em suas leituras de autoajuda. Mas para ser o número um, profissionalismo vem acima de tudo. Até mesmo do amor.” Fonte

“Glória”, de Erick Santos, é um conto curto, de mais ou menos 14 páginas, publicado pela Editora Draco na coleção Contos do Dragão (falamos bastante dessa ótima coleção em e-book da editora; se quiser ler outras resenhas dela, clique aqui). Antes desse conto, já tinha lido do mesmo autor o conto “Botão de Rosa” (resenha aqui), então já sabia um pouco o que esperar: em resumo, uma história curta, mas densa. Muito densa.

(…) era uma corrida de dois amantes que se encontrariam em um belo mar de nada, a brancura do fim do mundo, o leite da cegueira de Saramago.




A Cuca Recomenda: O Silêncio do Mundo

“Num continente oprimido por um governo autoritário, a adolescente Lícia tenta entender o mundo à sua volta ouvindo CDs antigos e procurando músicas e fotos nos restos da banida Internet.” Fonte

Gostei tanto desse conto que é até difícil procurar por onde começar a falar dele. Ele é belo e melancólico sem ser piegas; é complexo e profundo sem ser pretensioso. Acho que ele sintetiza bastante como é a escrita da autora Melissa de Sá (você pode encontrar resenhas de outros contos e livros dela aqui). Extremamente sensível, esse conto capta com perfeição o que é a beleza, a solidão e o conflito de ser adolescente, especialmente em um mundo degradado e cinza.

São músicas tristes. O Yuri diz que é porque o mundo já estava chorando por seu futuro.




A Cuca Recomenda: Sangria

“Dizem que as mulheres são bichos estranhos, pois não é normal uma criatura sangrar todo mês e não morrer. Mas será isso verdade? Sangria é um conto de terror psicológico da elogiada autora Cris Lasaitis sobre um terror permanente na vida das mulheres… todos os meses!” Fonte

Meu primeiro contato com a autora Cristina Lasaitis foi no ótimo conto “O Homem Atômico”, publicado na Revista Trasgo #2. Eu adorei o conto e me apaixonei pela escrita da autora imediatamente, tanto que logo fui procurar mais obras da mesma. Acabei encontrando alguns contos dela publicados na coleção “Contos do Dragão”, da Editora Draco, disponíveis em e-book na Amazon e, portanto, fui logo adquirindo. O primeiro que li foi o surpreendente “Sangria“, que vou comentar por aqui.

‘Ser mulher é uma condição mística’ – minha ginecologista me disse.




Divulgação: Chamada para a antologia Piratas da Editora Cata-vento

Pirate_attack_by_pbario

Temos escritores por aqui? =)

Se sim, esse post é dedicado a vocês: escritores de primeira (ou segunda ou terceira!) viagem que desejam publicar seus trabalhos em uma editora. A Editora Cata-vento, que publicou recentemente meu romance Alameda dos Pesadelos, acabou de abrir submissão para a antologia Piratas. Sou eu mesma (a Cuca/Karen Alvares) que estou organizando e os escritores escolhidos se juntarão a mim em uma antologia. Já disse para vocês o quanto eu adoraria ler e escrever sobre piratas, certo? Então juntem-se a mim nessa viagem (ou caminhem na prancha)!

Lembrando que não é preciso pagar para participar desse livro. Os escritores selecionados não precisarão pagar nenhum valor, nem adquirir exemplares da antologia. Os autores receberão uma porcentagem sobre o preço de capa do livro nas vendas quando o valor ultrapassar R$ 50,00.

Sem mais delongas, vamos à chamada! E, se preferirem, acessem o link oficial da chamada no blog da Editora Cata-vento.

Continue lendo…