Posts com a tag ‘Ficção’


Em outras palavras: Paperboy

Na coluna Em outras palavras de hoje, mais uma resenha do Felipe, dessa vez para o livro Paperboy, da Editora Novo Conceito. ‘Bora lá saber o que ele achou do livro e, de quebra, também da adaptação cinematográfica?

Paperboy é uma viagem ilustrada por uma América idílica, a qual o autor vai desmanchando e revelando em pedaços. E no final todos estarão em pedaços, até você leitor.

“Hillary Van Wetter foi preso pelo homicídio de um xerife sem escrúpulos e está, agora, aguardando no corredor da morte. Enquanto espera pela sentença final, Van Wetter recebe cartas da atraente Charlotte Bless, que está determinada a libertá-lo para que eles possam se casar. Bless tentará provar a inocência de Wetter conquistando o apoio de dois repórteres investigativos de um jornal de Miami: o ambicioso Yardley Acheman e o ingênuo e obsessivo Ward James.

As provas contra Wetter são inconsistentes e os escritores estão confiantes de que, se conseguirem expor Wetter como vítima de uma justiça caipira e racista, sua história será aclamada no mundo jornalístico. No entanto, histórias mal contadas e fatos falsificados levarão Jack James, o irmão mais novo de Ward, a fazer uma investigação por conta própria. Uma investigação que dará conta de um mundo que se sustenta sobre mentiras e segredos torpes.

Best-seller do The New York Times, Paperboy é um romance gótico sobre a vida aparentemente sossegada das cidades do interior. Um thriller tenso até a última linha, que fala de corrupção e violência, mas que, ao mesmo tempo, promove uma lição de ética.” Fonte

Continue lendo…




Resenha: O Clone de Cristo

O Clone de Cristo foi o segundo livro que solicitei à Saída de Emergência Brasil, editora cuja promessa é trazer o melhor da fantasia, ficção científica e horror. Quando li a sinopse desse livro, bem antes do lançamento, interessei-me imediatamente. No entanto, apesar da ótima ideia, a execução foi terrível. O Clone de Cristo foi uma grande decepção. Extremamente descritivo, personagens fracos, religiosidade em excesso: com uma proposta interessantíssima, O Clone de Cristo é um livro maçante e cansativo da primeira à última página.

O_CLONE_DE_CRISTO“O Clone de Cristo é uma história fantástica sobre uma experiência secreta que pode mudar o mundo: a tentativa de clonar Jesus Cristo a partir do Santo Sudário. O Dr.Felix Rossi é o chefe da pesquisa, um conceituado cientista obcecado com duas perguntas: Será que o tecido do Sudário contém mesmo o sangue de Cristo? E o DNA ainda estará intacto? Apesar do caráter sigiloso do experimento, forças obscuras tentam impedi-lo e Rossi não tem tempo a perder: precisa encontrar uma mulher para gerar a criança. Esta trama policial arrepiante nos leva numa viagem inesquecível da alta sociedade nova-iorquina aos bares irlandeses, das igrejas do Harlem à Catedral de Turim. Uma narrativa bem construída sobre laços familiares perdidos, um homem à procura de Deus, uma mulher em busca de um sentido para a própria vida¿ e uma inesperada história de amor.” Fonte

Só os destemidos são livres e, como sabemos, são raros.




A Cuca Recomenda: O Eterno Barnes

“Doutor Barnes, um famoso neurocirurgião, começa a desenvolver na Universidade onde trabalha uma pesquisa científica tentando transformar os dados do cérebro em arquivos de dados, codificando-os de modo que possam ser copiados. Com o avanço da pesquisa, acaba conseguindo copiar para o computador todos os dados de memória que formam o ser humano, como suas experiências, suas emoções, suas recordações, enfim, sua vida. Deslumbrado com a descoberta, começa a perceber que estes arquivos possuem uma estrutura totalmente diferente e uma sinfonia divina, e começa a ficar obcecado pela ideia de que seja possível copiar cérebros de um paciente para outro. Ao contrário do que deveria ocorrer, Barnes, cada vez mais, esconde suas pesquisas, pois seu objetivo passa a ser implantar seu próprio cérebro em outro paciente, mais jovem e sadio, pois está acometido de uma séria doença. Busca, desta forma, alcançar a tão almejada eternidade. Para isto, não mede as consequências de seus atos, que passam a ser justificados pela ambição que lhe domina. Conseguirá Barnes o seu intento?” Fonte

O Eterno Barnes, da Editora Novos Talentos da Literatura Brasileira – selo da Novo Século, chegou às minhas mãos cedido gentilmente pelo autor Salustiano Luiz de Souza para leitura e resenha. Quando li a sinopse e as informações na internet, resolvi que precisava ler esse livro: um cirurgião obcecado pela ideia da imortalidade e arrasado por um câncer devastador descobre como transferir os dados do seu cérebro para outro corpo. Mas estará ele disposto a fazer qualquer coisa por sua descoberta? Bem, é isso que vemos nesse livro. Ou, infelizmente, não.

Nossas paixões, nossas emoções, nossas experiências, tudo o que somos, no que fomos moldados, tudo isso se perderá no tempo. Desperdício da vida pela vida.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...