Posts com a tag ‘parceria’


Resenha: Filhos do Jacarandá

Fui recentemente convidada a ler Filhos do Jacarandá, lançamento da Globo Livros. Quando soube que era um livro recomendado por Khaled Hosseini, logo fiquei empolgada. E rapidamente percebi porque ele gostou tanto do livro de Sahar Delijani: sensível, tocante e, ao mesmo tempo, cruel, Filhos do Jacarandá mostra a dura realidade social e política do Irã, nas vozes de personagens que sofreram essa repressão, pais aprisionados ou mortos e filhos órfãos de pais enterrados vivos nas prisões. Em uma narrativa belíssima, a autora ilumina esse período sombrio da história do país e emociona com seus personagens únicos.

“Em 1983, uma menina chamada Neda nasce dentro de uma prisão em Teerã, capital do Irã. Sua mãe é uma prisioneira política que só consegue cuidar da filha recém-nascida por alguns meses antes que ela seja levada, à força, para longe de seu convívio. Neda é uma personagem fictícia de Filhos do Jacarandá, primeiro romance escrito por Sahar Delijani, mas sua história se mescla com a da própria autora, que passou seus primeiros 45 dias de vida na penitenciária de Evin, na capital iraniana.

“Filhos do jacarandá” não chega a ser uma biografia, mas é inspirado em experiências reais dos pais e familiares de Delijani depois que o país passou de monarquia a república, com a revolução de 1979 – que derrubou o xá Reza Pahlevi e instituiu o comando do aiatolá Khomeini. Seu tio foi executado e seus pais, contrários a ambos os regimes, foram encarcerados. Para a autora, o romance “é uma tentativa de manter viva a memória de meu tio e de todos aqueles que foram mortos naquele verão sangrento, para além de colocar um pouco de luz nesse momento negro da história iraniana. É também uma narrativa de violência, prisão e morte, que permaneceu inédita por muito tempo”.

Filhos do jacarandá conta a história de três gerações de homens e mulheres inspirados pelo amor e pelo idealismo, que perseguem sonhos de justiça e liberdade. É um tributo às crianças da revolução, segundo a autora. “Muitas pessoas acabaram sendo aprisionadas pelo novo regime, e os filhos do título são os filhos delas – crianças que nasceram no período pós-revolução e foram educadas por seus avós, tios e tias, já que seus pais estavam na cadeia”. É um livro que trata de repressão política, mas que também revela como fortes laços familiares não são desfeitos nem nas piores circunstâncias.” Fonte

Era onde ela se escondia, por trás de arames farpados de silenciosas lembranças destruídas.




Resenha: Viagem ao Fundo do Mar

Depois de várias leituras densas, eu estava com vontade de algo leve. Quando soube que a Editora Verus estava lançando a série Escolha Sua Aventura, resolvi pedir o primeiro volume: Viagem ao Fundo do Mar. A parte mais legal desse livro (e também da série) é que quem decide o rumo da história é o próprio leitor, ou seja, há várias histórias dentro do mesmo livro. Vamos lá saber se vale a pena?

“Nesta história, você é o personagem principal e deve tomar todas as decisões. Você vai encontrar perigos, obstáculos e encruzilhadas. Use sua inteligência e sua perspicácia e determine que direção tomar. A decisão errada pode acabar em tragédia – mas uma boa escolha pode levar você à glória! Em Viagem ao fundo do mar, você é enviado às profundezas do oceano para buscar a cidade perdida de Atlântida. Será que ela existe mesmo, ou tudo não passa de uma lenda? Cabe a você descobrir, embarcando numa jornada repleta de criaturas estranhas, grutas escuras e até lutas pela sobrevivência!” Fonte

Continue lendo…




Resenha: Perdida

Perdida“Sofia vive em uma metrópole, está habituada com a modernidade e as facilidades que isto lhe proporciona. Ela é independente e tem pavor a menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são os que os livros lhe proporcionam. Mas tudo isso muda depois que ela se vê em uma complicada condição. Após comprar um novo aparelho celular, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século XIX, sem ter ideia de como ou se voltará. Ela é acolhida pela família Clarke, enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de voltar para casa. Com a ajuda de prestativo Ian, Sofia embarca numa procura as cegas e acaba encontrando algumas pistas que talvez possam leva-la de volta para casa. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos…”

Logo quando recebemos os lançamentos do Grupo Editorial Record, eu não pensei duas vezes antes de escolher Perdida, da Carina Rissi. Uma das minhas metas desse ano foi conhecer mais autores nacionais e eu já tinha lido várias críticas positivas sobre o livro. E o que eu posso dizer? Eu li o livro todo de uma vez só (e fui dormir as duas horas da manhã) porque eu simplesmente não conseguia parar!

Estou perdida. E agora?




A Cuca Recomenda: Apocalipse Zumbi – Os Primeiros Anos

Sempre tive muita curiosidade para ler esse livro. Apocalipse Zumbi, de Alexandre Callari, foi o primeiro livro nacional do gênero. E eu sou completamente fascinada por zumbis. Leio/assisto/devoro tudo o que encontro sobre o assunto. Por todos esses motivos, esse era um livro pelo qual eu ansiava muito e, claro, construí expectativas. No entanto, mesmo que eu não as tivesse criado, acredito que ainda assim me decepcionaria. Eu queria muito gostar desse livro, queria mesmo, mas não consegui. Encarem essa resenha quase como um desabafo. E é mesmo.

“O caos reina no mundo. A civilização entrou em colapso. As comunicações, a energia elétrica e a vida em sociedade, como a conhecemos, praticamente se extinguiram. Nem toda nossa tecnologia foi capaz de nos proteger e evitar que dois terços da humanidade morressem. Os poucos que sobreviveram estão exaustos e tentam reunir o que ainda resta das suas forças e recursos para se manterem vivos. E, para piorar, eles não estão a sós. Dia e noite, são perseguidos pelos contaminados – sempre à espreita com seus olhos vermelhos, pele pálida, dentes podres e uma terrível sede de sangue e de carne humana. Nesse cenário de terror e desesperança, Manes luta desesperadamente para manter sua comunidade unida. Ela subsiste em uma construção cercada por paredes de concreto chamada Quartel. Porém, quando alguns de seus membros estão em apuros do lado de fora, sendo cruelmente caçados pelos contaminados, Manes parte para resgatá-los. A sua ausência e a chegada do enigmático Dujas abalam severamente o tênue equilíbrio interno do Quartel, colocando em risco a vida de todos. O perigo e o medo tomarão conta deste, que é um dos poucos redutos em que homens e mulheres vivem em “segurança”. Cheio de intrigas, mistério e horror, Apocalipse Zumbi é uma aventura de ficção eletrizante, com muitos elementos de realidade que mexerão com a mente e o coração dos leitores. Alexandre Callari oferece nesta obra o melhor do gênero zumbis e, ao mesmo tempo, cria um mundo à parte, que conta com suas próprias regras e lógica. Bem-vindo ao universo de Apocalipse Zumbi!” Fonte

Continue lendo…




Resenha: Esperando por você

esperando por você“É hora de iniciar o segundo ano do Ensino Médio, e Marisa está pronta para um novo começo e para seu primeiro namorado de verdade. No entanto, depois do popular Derek convidá-la para sair, as coisas ficam complicadas. Além de seus pais se separarem e de Marisa ter uma briga com seu melhor amigo, Derek a deixa desapontada. As únicas coisas que mantêm Marisa são os podcasts de um DJ anônimo, o qual parece entendê-la totalmente. Mas ela não sabe quem ele é… Ou sabe?”

Quando nós separamos os livros da parceria da Novo Conceito, eu fiquei muito animada com a sinopse de “Esperando por Você”. Pode ser clichê, mas eu adoro livros com triângulos amorosos. Mas, infelizmente, o livro não foi muito bem o que eu esperava.

Dois meninos. Duas paixões. Uma garota indecisa…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 93 de 105« Primeira...102030...9192939495...100...Última »