Posts com a tag ‘Romance’


Resenha: O presente do meu grande amor

presente do meu grande amor“Se você gosta do clima de fim de ano e tudo o que ele envolve, presentes, árvores enfeitadas, luzes pisca-pisca, beijo à meia-noite, vai se apaixonar pelo livro. Nestas doze histórias escritas por alguns dos mais populares autores da atualidade, há um pouco de tudo, não importa se você comemora o Natal, o Ano Novo, o Chanucá ou o solstício de inverno. Casais de formam, famílias se reencontram, seres mágicos surgem e desejos impossíveis se realizam. O pessimismo não tem lugar neste livro, afinal o Natal é época de esperança.”

Ho Ho Ho… Feliz Natal!

Algumas semanas atrás nós perguntamos na Sexta do Sebo se vocês gostam de ler livros festivos na época deles. Eu ADORO e eu sempre tento ler um livro com tema Natalino. Esse ano é claro que eu escolhi “O presente do meu grande amor”, um livro de contos organizado pela Stephanie Perkins. Ela convidou mais onze autores e cada um deles escreveu uma história de Natal. O interessante é que cada um optou por um tema diferente – e o livro ficou bem eclético por causa disso. Mas, como todos os livros de contos, não tem como gostar de todos. Como é final de ano, época de pensar somente nas coisas boas, optei comentar um pouquinho somente sobre os meus contos favoritos.

Continue lendo…




Resenha: O Príncipe da Névoa

O que você faz quando está de ressaca literária? Bem, eu passei por uma terrível esse mês e a solução que encontrei foi: apanhar um livro de um dos meus autores favoritos na estante, esquecer por uns dias a pilha de leituras e mergulhar em um universo que eu tinha certeza que me emocionaria. E o resultado? Claro que emocionou, claro que o livro foi perfeito! Como não poderia ser, quando estamos falando de uma obra – e não qualquer uma, mas a primeira! – do magnífico Carlos Ruiz Zafón?

“A nova casa dos Carver é cercada por mistério. Ela ainda respira o espírito de Jacob, filho dos ex-proprietários, que se afogou. As estranhas circunstâncias de sua morte só começam a se esclarecer com o aparecimento de um personagem do mal – o Príncipe da Névoa, capaz de conceder qualquer desejo de uma pessoa, a um alto preço.” Fonte

Para mim Zafón é sinônimo de uma boa leitura. O Príncipe da Névoa foi o terceiro livro que li de sua autoria e, a exemplo dos outros livros dele que li, Zafón novamente não me decepcionou e, melhor ainda, conseguiu novamente me encantar e surpreender.

Ele não vai voltar.




Resenha: Fangirl

fangirl“Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme. Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real. Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto. Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?”

É claro que só o título do livro já me chamou atenção. Quando eu li a sinopse e fiquei sabendo que um dos temas era fanfictions… Afinal, eu até agora nunca tinha encontrado um livro sobre isso! Eu já li muitas fanfics de Harry Potter (e inclusive já escrevi como a Karen e a Melissa contaram para todo mundo aqui) e foram elas que me ajudaram durante todo o tempo de espera entre um livro e outro dessa série. Por isso não pensei duas vezes antes de ler Fangirl.

Continue lendo…




Resenha: Sonhos Despedaçados

Foi difícil vir aqui fazer a resenha desse livro. Ele foi um título da Novo Conceito que me interessou imediatamente, assim que coloquei meus olhos nessa sinopse incrível. O problema é que eu não imaginava que a única coisa boa do livro fosse exatamente a sinopse. Por isso mesmo essa resenha é difícil, porque não há outra a dizer sobre Sonhos Despedaçados além de é um livro muito, muito ruim.

“Em uma casa abandonada, um grupo de adolescentes joga Verdade ou Desafio. Antes de a noite acabar, a garota mais popular da escola desaparece como se fosse por mágica. Recém-chegada à cidade, Trinity preferiria não ter as visões que a atormentam tanto… Agora ela precisa agir rápido, porque todas as suspeitas levam até ela. Cheio de reviravoltas e sustos, Sonhos Despedaçados é leitura obrigatória para quem gosta de tramas com desfechos imprevisíveis. Os cenários ajudam a compor o mistério, e podem ser os cemitérios antigos de Nova Orleans ou os destroços deixados pelo furacão Katrina. O único problema: você não vai ter coragem de ler este livro quando estiver sozinho em casa.” Fonte

Odeio dormir porque odeio a sensação que tenho ao acordar…




Resenha: Geek Love – O manual do amor nerd

Quando a Editora Gente anunciou esse lançamento, pensei que ele fosse a minha cara. Oras, eu sou uma nerd assumida: traça de livros, toque do Super Mario Bros. no celular, assisto Sailor Moon religiosamente aos sábados, faço piadinhas que as pessoas não entendem com Silent Hill e Doctor Who, limpo a casa fazendo “uón” quando levanto o aspirador de pó… em resumo, totalmente geek. Achei que seria um livro divertidíssimo, mas demorei cerca de quatro meses para lê-lo. Geek Love – O manual do amor nerd sofre de um problema que alguns nerds sofrem: não saber parar quando a piadinha geek já perdeu a graça.

“Eric Smith sabe mais do que ninguém que existem prazeres imensos na vida geek. Amigos incríveis, conversas até de madrugada sobre realidades alternativas ou até mesmo o simples prazer de ler aquele lançamento de quadrinhos. No entanto, chega um momento na vida de todo nerd em que o amor bate à porta e daí vem a hora de jogar o xadrez tridimensional que é o mundo dos solteiros. Não se desespere, jovem Padawan! Deixe Smith guiá-lo por esse caminho e descubra que amar é muito mais do que flores e bombons. Afinal, nada é normal na vida do nerd, e o amor não é senão o mais extraordinário dos fenômenos humanos.” Fonte

Não estrague suas chances insistindo em provas de legitimidade. Muitas meninas (interessantes!) amam as mesmas coisas nerds que você, mas não amam ser importunadas por causa delas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 20 de 47« Primeira...10...1819202122...3040...Última »