Posts com a tag ‘Romance’


Resenha: O Para Sempre de Ella & Micha

Sabe quando você tem uma lista infindável de livros e acaba entrando em colapso porque não consegue se decidir sobre qual ler primeiro e isso acaba fazendo com que você atrase todas as leituras? Pois é, foi isso o que aconteceu com O Para Sempre de Ella e Micha (e outros livros que terão sua vez também).

O_PARA_SEMPRE_DE_ELLA_E_MICHASinopse: Jessica Sorensen está de volta com o segundo volume da série, três vezes mais hot! Ella e Micha começaram a namorar. Ella está na faculdade em Las Vegas. Micha saiu em turnê com sua banda de rock. Tudo parece se encaminhar para uma relação estável. Mas não é o que acontece. Pesadelos começam a assombrar Ella. O medo de ser abandonado persegue Micha aonde quer que ele vá. Tudo o que enfrentaram antes não pode ter sido em vão… eles não podem perder um ao outro. Ou podem? Os dois irão sentir essa verdade na pele quando a distância começa a se revelar mais destruidora do que eles poderiam imaginar. Ciúmes, segredos e fantasmas do passado ressurgem ainda mais ferozes, enquanto as vivências sexuais se incendeiam, apimentadas por jogos sensuais, bebedeiras e muita velocidade nas estradas do oeste americano. Fonte

Você já parou para pensar que essa é quem eu sou? Que talvez você não possa me salvar, porque você teria de me salvar de minha própria cabeça?




Resenha: Olhos nos Olhos

OLHOS_NOS_OLHOSSinopse: O terceiro volume da série O caso Blackstone mostra um amor à beira do abismo e a luta para mantê-lo vivo. Uma perda arrasadora e uma nova esperança abrem os olhos de Ethan e Brynne para as coisas importantes da vida. Mas como eles podem deixar para trás toda a dor do passado e seguir em frente? Um inimigo ainda os espreita das sombras, planejando se aproveitar da confusão trazida pelos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres. Brynne e Ethan vão se render aos obstáculos? Ou lutar até o fim para salvar um ao outro e alcançar o sonho — uma vida inteira juntos? Continuação de Nua e de Entrega total, Olhos nos olhos é a história de uma paixão avassaladora que mostra que o amor é capaz de superar qualquer adversidade. Fonte

Continue lendo…




Resenha: A Extraordinária Garota Chamada Estrela

Assim que anunciaram o lançamento desse livro, eu o solicitei para leitura. Infelizmente, ele demorou um pouco para chegar e eu demorei muito para ler… Imprevistos acontecem e acabou que levei mais tempo do que pretendia para terminar essa leitura. Uma pena, porque esse é o tipo de livro que você consegue ler em até um dia.

A_EXTRAORDINARIA_GAROTA_CHAMADA_ESTRELASinopse: A garota chamada Estrela. Ela é tão mágica quanto o céu do deserto. É tão estranha quanto seu rato de estimação. É tão misteriosa quanto seu próprio nome. Com um simples sorriso, ela captura totalmente o coração de Leo Borlock. Com sua alegria, ela incendeia uma revolução de liberdade e autenticidade no espírito de sua escola. No começo, os colegas encantam-se com ela por tudo o que a faz ser diferente. Mas isso começa a mudar, e Leo, apaixonado e apreensivo, percebe que a única coisa que pode salvá-la das críticas é a mesma que pode destruí-la: ser alguém comum. Nesta celebração do inconformismo, o premiado Jerry Spinelli tece um conto tenso e emocional sobre os percalços de precisar ser popular e da emoção e inspiração do primeiro amor. Fonte

Pessoas-estrelas são raras. É pouco provável que você conheça outra




A Cuca Recomenda: As Batidas Perdidas do Coração

Fiquei muito em dúvida se pedia ou não esse livro na nossa parceria com a Editora Verus. Por um lado, é um livro de uma autora nacional que é promessa do gênero e foi recomendadíssimo pelo blog Psychobooks. Por outro lado… é um romance, ou sendo bem mais específica, um New Adult. Acho ótima a entrada de autores brasileiros nesse gênero que já é sucesso, mas é um tipo de leitura que sai um pouco da minha zona de conforto e que, até o momento, nas minhas leituras prévias, não me convenceu. No entanto, fui teimosa, a curiosidade venceu, e eu resolvi ler o livro. Como a própria autora o descreve, acredito que a melhor palavra para As Batidas Perdidas do Coração seja mesmo intenso.

“Viviane acaba de perder o pai. Com a mãe em depressão, ela se vê obrigada a assumir o controle da casa com o irmão mais novo. Rafael teve o pai assassinado há alguns anos e agora viu quatro pessoas de sua família, incluindo a única irmã, morrerem em um acidente de carro. Viviane pertence a uma classe social que ele despreza. Rafael é tudo o que ela sempre ouviu que deveria evitar. Eles são opostos, porém dividem a mesma dor. Jamais se aproximariam se a morte não os colocasse frente a frente, e agora, por mais que saibam que são completamente errados um para o outro, não conseguem evitar uma intensa conexão, que poderá salvá-los ou condená-los para sempre. As Batidas Perdidas do Coração é uma história sobre perdas e como cada um lida com elas. É o encontro atormentado entre a dor e o amor. Com uma narrativa sexy, envolvente e repleta de música, este livro traz a última tentativa de duas pessoas arruinadas que, juntas, buscam desesperadamente se encontrar.” Fonte

O tempo é capaz de desfocar as nossas dores e nos distrair com a vida que segue, mas a dor nunca some por completo. Nós a colocamos em um arquivo do coração e evitamos mexer nela.




Resenha: Brincos de Ouro e Sentimentos Pingentes

BRINCOS_DE_OURO_E_SENTIMENTOS_PINGENTESSinopse: “beijo tem gosto, tato, tontura e lembrança.” Este é um dos versos que a narradora dessa história, Manuela, escreve enquanto vai descobrindo os prazeres e frustrações do seu “primeiro amor”. A história é um vai-e-vem poético que avança e volta no tempo, que vai do presente para o passado, que conta o início de uma paixão quando a heroína tem 11 anos e agora que ela tem 16 e sabe que um amor de verdade não tem hora nem dia marcados, é uma vivência que nunca tem fim. Ele se chama Pedro Cláudio, é oito anos mais velho do que ela, segue a carreira de músico e tem medo de amar uma garota que mostra para ele que o amor não tem idade e só sabe seguir a cronologia do coração. Brincos de ouro e sentimentos pingentes é um livro que revela com delicadeza e ao mesmo tempo sem falso pudor que o final mais feliz de uma história de amor é deixar naturalmente o amor acontecer. Afinal de contas, para Manuela “é na dor” que ela parece confessar com o próprio corpo nos seus poemas que tornam essa história de amor mais amorosa ainda. Fonte

Continue lendo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...