Posts com a tag ‘YA’


Resenha: A Rebelde do Deserto

Quando a Cia das Letras disse que tinha provas disponíveis desse lançamento, algo me dizia que eu tinha que lê-lo. A minha sorte é que dessa vez minha intuição funcionou!

A_REBELDE_DO_DESERTOO deserto de Miraji é governado por mortais, mas criaturas míticas rondam as áreas mais selvagens e remotas, e há boatos de que, em algum lugar, os djinnis ainda praticam magia. De toda maneira, para os humanos o deserto é um lugar impiedoso, principalmente se você é pobre, órfão ou mulher. Amani Al’Hiza é as três coisas. Apesar de ser uma atiradora talentosa, dona de uma mira perfeita, ela não consegue escapar da Vila da Poeira, uma cidadezinha isolada que lhe oferece como futuro um casamento forçado e a vida submissa que virá depois dele. Para Amani, ir embora dali é mais do que um desejo — é uma necessidade. Mas ela nunca imaginou que fugiria galopando num cavalo mágico com o exército do sultão na sua cola, nem que um forasteiro misterioso seria responsável por revelar a ela o deserto que ela achava que conhecia e uma força que ela nem imaginava possuir.

Continue lendo…




Resenha: Nova Ordem Mundial (A Guerra dos Fae #4)

NOVA_ORDEM_MUNDIALQuarto e último capítulo de uma série surpreendente de aventura e magia e agora? Como enfrentar a necessidade de sacrifícios de uma Nova Ordem Mundial para os Fae?
Jayne e seus amigos estão numa encruzilhada, tendo que enfrentar a batalha final que decidirá a formação da nova ordem exigida pelo mundo sempre em guerra entre os Fae da Luz e da Escuridão.
Jayne se encontra numa encruzilhada não somente no terreno da estratégia e da magia, mas também do coração, que está dividido entre seu anjo da guarda e seu amigo elemental, Chase e Spike. Acontecimentos inesperados darão um toque surpreendente de romantismo e lágrimas neste último volume da Guerra dos Fae.
Surpresas após surpresas são mantidas até o final, que será ainda mais surpreendente para os fãs da insolente e destemida Jayne. E estão de volta o bom humor com o duende Tim e suas palhaçadas, bem como todos os perigos de um mundo onde de cada personagem ou situação pode brotar uma revelação inesperada, exigindo novas lutas e difíceis adaptações.
O mundo de aventuras de Elle Casey em A Guerra dos Fae tem aqui um encerramento apoteótico e brilhante. Fonte

Essa resenha pode conter spoilers dos livros anteriores, mas não interferem com sua leitura.

Continue lendo…




Resenha: Shingaling

SHINGALINGExtraordinário se tornou um best-seller ao narrar os desafios enfrentados por Auggie, um menino de aparência incomum. Na sequência do romance, J.R. Palacio lançou os e-books O capítulo do Julian, narrado pelo menino que mais fazia bullying contra Auggie na escola, e Plutão, narrado pelo amigo de infância do protagonista. Agora quem conta a história é Charlotte, uma das crianças que recebem Auggie no dia em que ele vai conhecer a escola.

Em Shingaling, temos a oportunidade de conhecer melhor a personagem cuja presença é decisiva em momentos importantes da vida de Auggie. Ela conta sobre sua amizade com Summer (as duas solucionam um mistério juntas) e sobre como foi, para as meninas da escola, começar a conviver com o menino mais extraordinário que já haviam encontrado. Charlotte aproveita para mostrar sua mania de fazer diagramas e explicar como elaborou o preceito citado no final de Extraordinário: “Não basta ser amigável. Você tem que ser amigo.” Fonte

É o Shingaling, querida!




Resenha: Eu, Você e a Garota que vai Morrer

EUN_VOCE_E_A_GAROTA_QUE_VAI_MORRERLivro que deu origem ao filme vencedor do Festival Sundance 2015, nas categorias Público e Crítica, com estreia marcada para 12 de junho nos EUA, Eu, você e a garota que vai morrer é uma mistura perfeita entre drama e humor e um retrato preciso da adolescência em face do amadurecimento. Na trama, Greg tem apenas um amigo, Earl, com quem passa o tempo livre jogando videogame e (re)criando versões bastante pessoais de clássicos do cinema, até a sua mãe decidir que ele deve se aproximar de Raquel, colega de turma que sofre de leucemia. Contrariando todas as expectativas, os três se tornam amigos e vivem experiências ao mesmo tempo tocantes e hilárias, narradas com incrível talento e sensibilidade. Crossover com enorme potencial no segmento young adult, o romance é perfeito para fãs de livros e filmes como A culpa é das estrelas e As vantagens de ser invisível. Fonte

Continue lendo…




Resenha: À Procura de Audrey

_PROCURA_DE_AUDREYAudrey, 14 anos, leva uma vida relativamente comum, até que começa a sofrer bullying na escola. Aos poucos, a menina perde completamente a vontade de estudar e conhecer novas pessoas. Sem coragem de sair de casa e escondida por um par de óculos escuros, a luz parece ter mesmo sumido de sua vida. Até que ela encontra Linus e aprende uma valiosa lição: mesmo perdida, uma pessoa pode encontrar o amor. Fonte

Quando soube que Sophie Kinsella lançaria um YA, eu logo me interessei. Inclusive, comprei e o levei para ela autografar, na ocasião em que ela esteve aqui no Brasil.

Para quem conhece a autora, o estilo dela sempre foi Chic-lit, romances mais voltados ao público feminino e, embora esse livro pareça mais voltado ao público feminino adolescente, pode ser lido pelo público masculino numa boa.

Acho que entendi que a vida é tipo uma escalada: você cai e levanta de novo. Então não importa se der uma escorregada. Contanto que esteja mais ou menos caminhando para cima.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Página 3 de 512345