Top Ten Tuesday: 10 palavras/tópicos que NÃO me fazem escolher um livro

Olááá,

O tema do Top Ten Tuesday dessa semana é Top 10 palavras/tópicos que NÃO me fazem escolher um livro. Ele é o oposto do tema que eu fiz em abril (vocês podem ler o post aqui). Na verdade foi muito difícil fazer esse Top Ten… Normalmente eu tento não restringir as minhas leituras por temas. Se eu li a sinopse e gostei ou se alguém me recomendou, eu leio! Esse post é muito parecido com a pergunta que nós fizemos na Sexta do Sebo sobre “preconceitos literários”.

Lembrando que o Top Ten Tuesday é uma iniciativa do blog The Broke and the Bookish!

CidadeOssos1. “Esse livro/conto foi escrito pela Cassandra Clare”. Como a Karen já disse no post da Sexta do Sebo, nós conhecemos a Cassandra Clare desde a época em que o seu sobrenome ainda era Claire e ela escrevia fanfictions de Harry Potter. As fanfics dela eram sem pé nem cabeça, mas até esse ponto, tudo bem. Porém ela começou a falar muito mal da J.K.Rowling e ela achava que conhecia a série melhor do que a própria autora! E é por causa disso que eu não consigo pensar na Cassandra como autora. Os livros dela podem ser maravilhosos, mas eu não vou ler.

2. “Essa série tem mil livros”.  Eu gosto de séries. Aliás, meus livros favoritos fazem parte de séries. Mas eu estou em um momento meio crítico porque eu já acompanho muitas! E tem o outro lado: eu abandonei várias porque os autores simplesmente se perderam no meio do caminho. E eu acho isso extremamente chato porque eu quero acompanhar até o final… Então agora eu só começo a ler séries longas se realmente ela for muito bem indicada. Se não, ela vai para o final da lista.

Obs: Eu coloquei a imagem da série Mortal da Nora Roberts porque ela é a série que eu me lembro que possui mais livros. Mas eu a acompanho porque quando eu comecei a ler eu não sabia disso. Ela é muito boa, então tudo bem!

50 tons3. “Esse livro é o novo Cinquenta Tons de Cinza [insira aqui outro livro que eu não gostei]”. Eu só consegui terminar de ler esse livro por causa de uma aposta que eu fiz com algumas amigas. Achei muito, muito, muito ruim! Então se eu leio isso já fico com um pé atrás. Depois que compararam “Belo Desastre” com “No Limite Atração” foi que eu percebi como realmente comparações podem ser muito perigosas! Por isso que eu sempre falo: MUITO cuidado na hora de dizer que X é igual a Y.

4. “Esse livro é Auto Ajuda”. Não tenho nada contra quem lê auto ajuda, mas eu normalmente não gosto. A minha lista já está muito grande sem eles!

5. “Esse livro é uma biografia”. Não é que eu nunca tenha lido uma biografia nem que eu não vá ler outras. Mas é que biografia para mim tem que ser de pessoas que eu realmente admiro…

capa vermelha6. “Esse livro era filme e depois foi adaptado para livro”. Todo mundo está acostumado com livros virando filmes. Mas agora alguns filmes também viraram livros… Eu só li “A garota da capa vermelha”, mas me decepcionei tanto, que agora estou com medo. Só leio se for muito bem recomendado!

Estou aqui pensando… Mas não consigo pensar em mais nenhum! Então para ficar 10 tópicos, vou mudar um pouquinho o tema! Agora irei falar das palavras/tópicos que não me faziam escolher um livro, mas agora fazem!

aultimamusica7. “Esse livro é do Nicholas Sparks”. Assisti “Diários de uma Paixão” obrigada e não gostei do filme por isso demorei para começar a ler os livros. Li “Querido John” e gostei. Li “Diários de uma Paixão” e “Noites de Tormenta” e achei MUITO chato. Um belo dia, como os livros dele são baratos, resolvi dar mais uma chance e com “A Última Música” percebi que os livros dele podem sim ser bons!

 

8. “Esse livro é romance de banca”. Tudo começou quando me emprestaram um dos livros da série Mortal em inglês. Adorei e procurando na internet descobri que a autora era na verdade a Nora Roberts. Comecei a ler os livros dela e percebi que eles se enquadravam na categoria “romances de banca”. Eu sempre torci o nariz para esses livros, mas agora eu percebo que era um preconceito bobo! Podem existir romances de banca ruins, alguns livros da Nora Roberts são muito ruins, mas outros são muitos bons. E eu não vou entrar aqui no mérito que os personagens dela tem um desenvolvimento muito maior do que outros romances que fazem sucesso.

vampireacademy9. “Esse livro tem uma capa horrível” Beeem lá no início, quando eu comecei a me aventurar no mundo dos livros, eu escolhia os livros pela capa. Aliás, até hoje tem certas capas que eu fico com vergonha de sair na rua (Vampire Academy, estou falando de você!). Mas hoje eu sei que nós não podemos levar isso em consideração: o que importa é o conteúdo!

10. “Esse livro é de terror”. EU SOU MUITO MEDROSA! É capaz de eu não conseguir dormir e ter pesadelos se eu começar a ler muitos livros de terror. Isso quer dizer que eu nunca vou ler livros desse gênero? NÃO! Estou aos poucos entrando nesse novo mundo, mas dependendo das cenas, ainda fico com um pouco de medo. Ou melhor, muito medo.

E vocês? Quais são as palavras/tópicos que não fazem com que vocês escolham um livro?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Lucy disse:

    Cassandra Clare eu passo longe. hahaha
    Livros com súcubos também não me atraem, tanto pela capa quanto pelas sinopses. -_-‘ Capas que são vergonha alheia me fazem broxar na hora da compra, mas a gente sempre abre uma exceção dependendo da sinopse (não foi o caso de Vampire Academy, vou tentar ler os e-books que vc passou rs). Auto-ajuda já me basta a época em que eu li Paulo Coelho, depois nunca mais. rsrs
    Meus gostos parecem com os seus, Lany! hahaha Até pra romance de banca eu abro exceções (mas o engraçado é que nessa categoria eu evito Nora Roberts, não li nada dela que fosse mto legal).
    Bjos bjos

  • Lany disse:

    Verdade livro com súcubos tem as sinopses mais estranhas que eu já li hahaha!
    Tenho que te passar a indicação dos livros bons da Nora Roberts (eu sei que a sua lista já está cheia, mas livros nunca são demais!XD)

  • Amanda disse:

    Tenho um pé atrás com livros que são muito divulgados, sempre penso que tanto marketing nunca é realmente por que o livro é bom. Não leio histórias sobre vampiros ( o mais famoso é minha pior última experiência) e nem de bruxas.

  • Lany disse:

    Eu tento não comprar o livro pelo marketing e sim pelas opiniões dos leitores! Muito marketing nem sempre significa que o livro é bom…

  • Vania disse:

    Cassandra Clare é a primeira da lista, COM CERTEZA!!!! Posso morrer de vontade, mas não leio por princípio!! Séries de mil livros também ando passando longe (apesar que se a Richelle Mead quiser escrever Bloodlines para sempre, eu leio!), e 50 shades look-alike, pffff!!! Confesso que tenho preconceitinho com romances de banca, mas se forem recomendados eu acabo lendo. Nicholas Sparks não leio também, no no no no no. E Vampire Academy só no e-reader hahahahaha

  • Lany disse:

    Se a Richelle Mead quiser escrever 30 livros da série Bloodlines, eu não me importo hahaha!
    Meus livros da série Bloodlines estão na estante com a lombada para fora, porque pelo menos a lombada é bonita HAHAHA! (mas o bom é que a minha edição é hardcover, e a capa dura é sem o desenho… Mas eu fico com pena de tirar a capa de papel, mesmo ela sendo feia).

  • Karen disse:

    Que demais sua lista, Lany! E que tema difícil, putz. Tô contigo e não abro em quase todas as opções da lista. Esse negócio de ficar comparando livros é fogo, eu não tive vontade de ler No limite da atração justamente porque disseram que era como Belo Desastre: aí você foi, leu e viu que não é!
    E séries?! Cara, dá uma preguiça começar séries. E eu detesto quando sou enganada e descubro só no final. Blé.
    E eu tô também fugindo de livros que oferecem uma distopia/aventura e dão pinta de ser romancinho. Se eu quiser só ler romance, eu vou procurar um romance!
    E Cassadra Clare… #todosfogem hahahahahaha

  • Lany disse:

    As pessoas comparam livros com tanta facilidade… Eu fico com muito medo de fazer isso hahaha!
    #todosfogemdaCassandra

  • Camila Cristina disse:

    Então…é dificil negar um livro por um tema ou algo assim, acho que toda história independente do tema tem potencial e que depende muito de como o autor vai desenvolver, com relação a Cassandra Clare só a conheci depois de Cidade dos Ossos e acho os livros fantásticos, tanto Instrumentos Mortais quanto As peças Infernais (que acho até melhor do que a primeira série) não sabia que ela escrevia fics de Harry Potter (que também amo) mas é que na verdade não pesquiso os autores, leio o livro e se a história me ganha já foi.
    Haaa e podemos desconsiderar tudo que eu disse antes com relação a auto-ajuda, esse não tem jeito e não consigo ver com bons olhos.
    Nicholas Sparks é outro que nunca tive vontade de ler por que as histórias não me chamavam atenção, nem os filmes diga-se de passagem, mas uma amiga me empresatou Um Porto Seguro e eu tentei mas não rolou, então continuo não querendo Sparks!
    Também li um livro da Nora e não gostei, logo também fujo dos seus livros, mas a maioria que não leio, acontece por tentaiva e erro mesmo…rsrsrrss

  • Lany disse:

    Muito obrigada pelo comentário Camila!
    Eu também acho muito difícil negar um livro pelo tema, tanto é que eu tive que mudar um pouco a lista para completar 10 tópicos!
    Eu também não pesquiso os autores, mas no caso da Cassandra foi o contrário: eu a conhecia e depois ela virou escritora. E eu não duvido que os livros dela sejam bons, porque eu conheço diversas pessoas que adoram. Mas sabendo de todo o histórico dela, eu não consigo nem começar a ler…
    Um Porto Seguro eu ainda não li mas tem uns livros do Nicholas que são bem chatinhos mesmo.

  • Matheus B. disse:

    pô, terror é legal HUIDHASDIUASIUASH
    mas Nicholas Sparks, Cinquenta tons, auto-ajuda, romance de banca e série com mil livros eu to de acordo com você..
    A capa, eu acho que com certeza ajuda se for linda sim e tals (ainda mais se eu tivesse em alguma, nossa, ia ser campeão de vendas o livro. Uma pena não ter), mas nem toda capa feia é sinal de livro ruim, muitas vezes o contrário acontece. A capa é boa, mas o livro é bem bem ruim -como, pra mim, foi com Caçadores de sombras. Mas, todos tem um jeito de classificar suas leituras, o que importa é ler o que gosta 😀

  • Lany disse:

    Eu também acho que terror é legal mas é que eu sou MUITO medrosa hahaha!
    Isso aí o que importa é ler o que gosta! o/

  • Shadai Vieira disse:

    Acho que toda leitura é bem-vinda, portanto não tem algum tema que eu não aceite ler. Aliás, gosto muito de variar bastante a leitura, de após ler um livro clássico do século retrasado, ler um do século passado, e histórias bem diferentes, terror, romance, drama, biografias.
    Mas, só um tipo de livro nunca li e acho que nunca lerei: auto-ajuda!

  • Bruu Gonçalves disse:

    Ai, eu sou tão sem restrições quanto a isso. No começo eu pensava em não ler os livros da Cassie, mas dei uma chance e ainda bem que eu fiz isso porque agora eu amoo! Mil livros me irritam porque quero o fim logo, mas mesmo assim vou ler. A única coisa me faz perder totalmente o interresse é o “é o próximo 50 tons de cinza” aí acaba haha

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem