Top Ten Tuesday: Dez livros que nunca lerei

ttt2013

Nunca diga nunca, é o que dizem. Mas existem algumas coisas nessa vida – inclusive livros, por incrível que pareça – que não descem ou simplesmente não são sua cara. Por isso hoje listarei aqui os dez livros que nunca (ou assim espero) lerei nessa vidinha.

(O tema de hoje originalmente era Dez livros pelos quais estou esperando no primeiro semestre de 2017, porém, como já tenho muita coisa para ler, na verdade o que eu espero mesmo é conseguir ler tudo isso. Depois eu penso no resto.)

Lembrando que o Top Ten Tuesday é uma iniciativa do blog The Broke and the Bookish!

guerra_dos_tronos_capaA Guerra dos Tronos, de George R. R. Martin

Não tenho nada pessoal contra a série consagrada de Martin, não mesmo. O que acontece aqui é que os santos não batem, simplesmente não é minha zona de conforto. A Guerra dos Tronos é uma série com personagens demais, descrições demais, detalhes demais e, finalmente, livros demais. O Martin nem sabe quando a série vai terminar. Não consigo ter ânimo para ler algo assim.

Crepúsculo, de Stephenie Meyer

Até tentei, mas não deu. Tentei ler o livro, não consegui. Tentei ver o filme, dormi. Não rola, não consigo, nem adianta tentar mais. Não é meu estilo (e outras coisitas mais).

Cinquenta Tons Mais Escuros, de E. L. James

Não é muita gente que sabe, mas eu li sim Cinquenta Tons de Cinza (e todas meninas aqui no blog, sim, tô dedo-duro hoje). Nós lemos e achamos a coisa toda tão ruim (desculpa aí, pessoal!), que sequer conseguimos resenhar. (O Felipe fez uma resenha de Grey porque ele queria zoar o livro; ficou engraçado e o gif do cachorro é uma das melhores coisas que você vai ver hoje.) Para mim, na época, não adiantava fazer uma resenha dessas porque ou a gente não ia ter tanto bom humor e ia ficar repetindo o quanto achamos tudo ruim ou… sei lá, só íamos dizer que era tudo ruim e a resenha teria duas linhas. Já deu pra entender por que não vou ler o segundo volume, certo? (E o terceiro, claro)

senhor-dos-aneis

As outras obras de J. R. R. Tokien (além da trilogia O Senhor dos Anéis)

Pelo mesmo motivo que não vou ler A Guerra dos Tronos. Sim, eu li a trilogia original, mas foi algo tão difícil e penoso, que não consigo nem cogitar a ideia de ler todos os 300 anexos que o Tolkien escreveu.

Série A Garota do Calendário, de Audrey Carlan

Desculpa aí quem curte a série, mas para mim, 12 livros do mesmo assunto, um de cada mês, já é apelação. Tem mesmo história para tudo isso?

O resto da série Belo Desastre, de Jamie McGuire

O motivo vocês podem ler nessa resenha. Sem mais.

Harry Potter e a Criança AmaldiçoadaJ. K. Rowling

Eu AMO Harry Potter. De todo coração. Harry Potter mudou minha vida, fez com que eu conhecesse pessoas incríveis e ainda por cima me inspirou a escrever. Mas… eu amo Harry Potter até Harry Potter e as Relíquias da Morte. Depois disso… não dá. Desde declarações de J. K. Rowling que me decepcionaram até spoilers absurdos (e que se mostraram verdadeiros) deste último livro – que não é um livro, é um roteiro – me fizeram acreditar que é melhor eu me manter na série original e não ler mais nada.

A_MARCA_DE_ATENAQualquer outro livro que possua Percy Jackson remotamente como personagem, de Rick Riordan

Alguém ainda aguenta? Tio Rick Riordan tem uma importância incrível no meu coração com Percy Jackson e os Olimpianos, mas depois disso o cara não conseguiu mais abandonar seus personagens originais, seu mundo, a mitologia, por que raios tudo tem que ter mitologia e Percy Jackson nas suas obras? Cansei.

Qualquer livro da Cassandra Claire

Porque ela queimou livros de Harry Potter. E por mais que você não concorde com algo em uma história (e agora eu sei como é não concordar com algo em Harry Potter), você não faz isso. Você não queima livros. Não.

Ah, e porque ela fez a Hermione sair com o Voldemort e com o Salazar Slytherin em uma fanfic.

Qualquer livro de Paulo Coelho

Não consigo ler Paulo Coelho. Já tentei. Li O Alquimista e quase morri. Poucas vezes na vida quis atirar um livro na parede. Bem, eu não só quis, como atirei O Alquimista na parede.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Marília Sena disse:

    Eu confesso que também não tenho paciência para ler A Guerra dos Tronos, exatamente pelos mesmos motivos que você citou. Também não tenho paciência pra ler auto-ajuda, não consigo mesmo.

  • Maristela G Rezende disse:

    Nossa, de tudo o que foi citado aqui, só não me interessa os livros de Paulo Coelho. A Garota do calendário, está em fase de saber um pouco mais sobre esses livros. Os demais são minha paixão, principalmente a série As Crônicas de Gelo e Fogo. Mas, como se diz por aí, nem tudo que gostamos temos que esperar que os demais gostem, não é mesmo? Gostei do post.

  • Beatriz Wanderley disse:

    Alguns desses livros já li mas não foram tão excepcionais, quero ler a garota do calendário por causa de todo rebuliço q está sobre a serie

  • Nicoli Vieira disse:

    Karen, pior que tem sim histórias para cada mês do ano, “A garota do calendário” está na minha lista de séries para serem lidas até o fim do ano.
    “A guerra dos tronos” eu não leria por ser extenso e eu não sei guardar muitas informações.
    “Crepúsculo” não leio porque odiei o primeiro livro e as adaptações.

  • Sexta do Sebo #207 « Por Essas Páginas disse:

    […] mais recentes que saíram da minha zona de conforto foram A Garota do Calendário – Janeiro (sei que falei que não leria, mas estava de graça, baixei, era rápido, acabei lendo; DETESTEI tanto que nem vou fazer resenha, […]

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem