Resenha: Uma Nova Chance & Desafio do Desejo

UMA_NOVA_CHANCE_E_DESAFIO_DO_DESEJOSinopse: UMA NOVA CHANCE – ANNE MATHER Eve Robertson leva uma vida tranquila em um vilarejo afastado e quer deixar seu passado para trás. Mas a estabilidade recém-conquistada é ameaçada pela chegada de Jake Romero… Ele é alto, moreno, perigoso… e deseja Eve. O toque de Jake a deixa ansiando por mais, porém, seu segredo a impede de se entregar. No entanto, por quanto tempo ela resistirá à intensa e exótica sedução dele?

DESAFIO DO DESEJO – LYNNE GRAHAM Desde o momento em que viu Abbey em um desfile, o magnata russo Nikolai Arlov deseja cada centímetro de seu corpo curvilíneo e sedoso. Quando ela o dispensa, ele imediatamente muda de tática e mira em seu coração vulnerável… Com os negócios da família passando por sérios problemas, Abbey sabe que o dinheiro de Nikolai é sua única esperança e sucumbe à sedução letal e à chantagem dele. Ela está pronta e ansiosa para fazer o que ele quiser. Mas Nikolai nem desconfi a que sua amante relutante seja virgem. Fonte

Recebi esse livro da Harlequin e qual não foi minha surpresa quando percebi que eram duas histórias em um único livro (não, eu não tinha percebido antes). Essas duas histórias fazem parte da coleção “Passado Secreto” da Harlequin, sendo Desafio do Desejo o segundo livro de uma trilogia , daquelas que falam de três personagens distintos e que não precisa ler o primeiro volume para saber do que se trata. Enfim, vou falar um pouco de cada história:

Em Uma nova chance, temos Eve morando com sua avó em uma vida praticamente apagada de marasmo e tédio.  Eis que um dia, Cassandra, a filha de sua avó, retorna para uma visita acompanhada de Jake Romero, por quem estava interessada. Jake nem sabe ao certo por que decidiu acompanhar Cassandra, já que não estava completamente interessado nela, mas gostou logo de cara de Eve, que parecia sempre pronta para dar uma patada quando ele se aproximava.

Sinceramente? Eu não gostei dessa história. O parentesco no mínimo “estranho” entre Cassandra, Eve e a avó de Cassandra e o tal segredo do passado para mim ficou bem forçado, a vinda de Jake e seu fascínio exacerbado por Eve, que ele mesmo admitia que fugia dos seus padrões de “mulher bonita/atraente” também não me convenceu. Sabe quando você quer jogar um livro na parede porque ele é fraco? Pois é, eu sabia que a história era previsível, mas essa aqui beirou quase a uma novela mexicana.

Em Desafio do desejo (não sei quanto a vocês, mas tem alguns títulos da Harlequin que dão banho em títulos de novela, não?) temos uma jovem Mary Sue super bonita e atraente, mas que não quer chamar a atenção por achar que seria um desrespeito à imagem de seu finado marido (entendam: ela casou aos 19 com um homem bem mais velho, mas que morreu em um acidente de trânsito logo após a cerimônia há SEIS ANOS). Eis que em um desfile de caridade, temos a presença do magnata russo (prestem atenção, porque a Lynne Graham ADORA um magnata, principalmente os gregos, espanhóis, italianos e russos) Nikolai Arlov que ÓBVIO fica fascinado pela jovem e faz toda a corte para poder conquistá-la (isto é, passar a noite com ela). 

Seguinte, eu vou contar um spoiler a seguir, porque não tem como resistir, mas vocês leiam se quiserem. Se não, passem para o parágrafo seguinte: Outra característica da Lynne Graham é fazer mocinhas lindas, puras e virginais e com Abby não foi diferente. Então vocês podem pensar: MAS ELA ERA CASADA! Pois é, mas ela e o noivo não tiveram relações antes da cerimônia. Daí, quando o Nikolai descobre (no estilo “tarde demais” rs), ele resolve investigar a vida do finado marido da Abby para achar algum podre e ela finalmente parar de chorar por um luto de seis anos por um homem que ela achava que estava apaixonada .

Pronto, já passou. Enfim, como eu ia dizendo, Nikolai também exerce aquela aura que faz qualquer mulher molhar a calcinha se sentir intimidada na primeira olhada e claro que soltam faíscas entre eles e que os dois tem medo de se envolver por motivos distintos, mas quando se dão conta, pronto! Aconteceu.

Bem, eu sinceramente me divirto com os livros da Lynne Graham. Sim, são previsíveis, as mocinhas geralmente são sofredoras e bobinhas e os mocinhos são possessivos e machistas, mas não deixa de ser uma leitura engraçada. O absurdo da vez ocorre bem no começo do livro, uma cena contracenada pelo Nikolai e suas três secretárias, que até agora não engoli direito o que foi aquilo (eu poderia contar mais spoilers, mas vou deixar vocês sofrerem um pouquinho rs).

Não é uma leitura que você espera algo inusitado, é daqueles romances bem água com açúcar mesmo, mas que te tiram do marasmo quando você não tem nada para fazer ou quando quer sair de uma ressaca literária de um livro que te deixou pra baixo, ou angustiada. Por isso dou três estrelas, sendo uma delas apenas para a primeira história do livro.

Este livro foi gentilmente cedido para resenha pela Editora Harlequin.

Ficha técnica:

Nome: Uma nova chance / Desafio do Desejo
Autor: Anne Matther / Lynne Graham (respectivamente)
Páginas: 320
Editora: Harlequin
Onde comprar: Amazon
Minha avaliação: 

Essa postagem está participando do Top Comentarista de Agosto. Por favor, preencha o formulário abaixo após postar seu comentário. Basta clicar na imagem para abri-lo em nova página!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  • Nathalia Simião disse:

    Eu ainda não li esses novos romances publicados pela Harlequin mas já li uns Sabrinas e Biancas antigos e sei como são essas histórias (tudo igual pra falar a verdade). Também acho super previsível e sem grandes emoções, não é meu tipo de livro preferido mas quando não se tem nada pra fazer ou pra ler até que vai bem 🙂

  • Patrini Viero disse:

    Gente, eu adoro as suas opiniões super sinceras hahahaha me divirto com as tuas resenhas, e isso foi um elogio, afinal eu acho que honestidade é tudo quando se trata de indicar ou não uma leitura. Enfim, não curto muito romances da Harlequin, por não gostar do gênero e achar as histórias meio mornas demais. Beijos.

  • Suelen Mendes disse:

    Nunca li nada da editora.Sempre relacionei a romances de banca,e esse gênero não me agrada!
    A história do primeiro tbm achei fraca e como vc msm disse,novela mexicana kkkk
    O segundo o enredo é melhor mas mesmo assim não me interessei!

  • Michele Lopez disse:

    Oie…
    Achei o livro assim meio confuso (com duas histórias em somente um livro, sendo que uma delas é continuação). Não gostei disso rsrsrs
    Em relação ao enredo dos livros, gostei dos dois, mas o que mais chamou minha atenção foi Desafio do desejo. Isso por trazer um magnata russo como personagem. Adoro a Rússia e pretendo aprender a falar o idioma algum dia e tudo que tem relação com o país me fascina (menos a guerra atual, claro).

  • Solange Cristina disse:

    Essas histórias são a cara da Harlequin! Previsíveis ….
    Mas é como você disse .. pra tirar da fossa literária e elas me fazem rir com as cenas bizarras !
    A história do segundo livro até parece um pouco com uma série de magnatas gregos que eu li uma vez (excluindo a parte do luto de SEIS anos que eu acho o Ó).
    HAHAHA! Esses títulos sempre me fizeram rir, muito!!

    🙂

  • Gustavo disse:

    Não leria esse livro, só pela sinopse já me cansou muito. Gosto de um romance, mas sei lá, cade os personagens verdadeiros, com imperfeições perfeitas? Estou meio que cansando sempre do cara gostosão com um tanquinho hiper lindo e rico e a mulher gostosona e curvilínea, com pele sedosa e tão perfeita que parece uma deusa, ou então uma mulher ou um cara se apaixonar por alguém do sexo oposto que é tão tedioso que era preferível namorar uma porta -.- duvido que vou ler, mas posso dar uma chance em um futuro muuuuuuuuuito longe kkk

  • Michely Reis disse:

    Oiii…
    caramba duas histórias em uma ..confesso que eu iria arrumar uma confusão que só …á sou meio confusa quando vem falando um personagem depois o outro vem contando ..imagina duas HISTÓRIAS em uma…
    kkk mas quem sabe um diiia eu pretendoo pelo menos tentar a ler neh kkk

PREENCHA OS CAMPOS ABAIXO PARA DEIXAR SEU COMENTÁRIO




Mensagem